Diário de São Paulo
Siga-nos
Surto

CNN Brasil sofre surto de diarreia; descubra o que causou a doença

A suspeita é que 100 funcionários, que trabalham na Redação em São Paulo, já tenham sido contaminados

Caso tem revoltado profissionais pela demora em agir - imagem: reprodução Instagram @murielportofino e @robertarusso
Caso tem revoltado profissionais pela demora em agir - imagem: reprodução Instagram @murielportofino e @robertarusso

Publicado em 21/07/2022, às 19h45 Fernanda Viana


A CNN Brasil enfrenta um surto de giardíase causada pela água contaminada do local. A suspeita é que 100 funcionários, que trabalham na Redação em São Paulo, já tenham sido contaminados.

A doença é causada por um parasita raro que causa diarreia forte, vômito, cólicas, flatulências e arrotos.

Os primeiros casos começaram no fim de abril, mas se agravaram na última semana, quando duas âncoras foram substituídas às pressas no plantão de fim de semana. 

Nomes como Tainá Falcão, Roberta Russo, Muriel Porfiro e William Waack pegaram a doença e o caso tem revoltado profissionais nos bastidores por conta da demora da CNN Brasil em agir na situação.

Apenas na última terça (19), depois de três meses, foi feito um trabalho para tentar identificar o que estava acontecendo. Exames apontaram que a água que circula em todo o local estava contaminada pelo parasita, onde foi identificado resquícios de fezes de pombo, que circulam na região com frequência. 

A maioria dos casos de giardíase desaparece por conta própria em alguns dias. As infecções mais graves são tratadas com antibióticos e até com internação

Na quarta (20), a área de Recursos Humanos da empresa liberou comunicado sobre providências e orientações, que foi publicado inicialmente pelo jornalista Flávio Ricco, do portal R7.

Compartilhe