Diário de São Paulo
Siga-nos
Apologia à violência

Repórter da Band satiriza mortes com paródia de música da Xuxa ao vivo; veja vídeo

A emissora falou sobre medidas contra o jornalista que afirmou não se arrepender do que fez

Após o feito, o repórter se manifestou nas redes dizendo não se arrepender - Imagem: reprodução Hugo Gloss / Xuxa Fandom
Após o feito, o repórter se manifestou nas redes dizendo não se arrepender - Imagem: reprodução Hugo Gloss / Xuxa Fandom

Publicado em 21/07/2022, às 17h38 Vitória Tedeschi


Na última quarta-feira (20), o repórter Júnior Rocha, do Brasil Urgente do Paraná, na TV Band, chamou a atenção dos telespectadores e dos internautas, mas o motivo não foi nada positivo. Ele foi amplamente criticado após noticiar um crime envolvendo mortes cantando uma paródia de uma música da Xuxa.

A música escolhida para o momento foi "Cinco Patinhos" e a reportagem era sobre três suspeitos de roubo que foram mortos em um confronto com a polícia em Foz do Iguaçu, no Paraná. O jornalista, comemorou o desfecho da história cantarolando trecho da música.

“Rapaz, essa notícia é tão boa, é tão maravilhosa que merece até uma música“, afirmou Júnior Rocha, que logo emendou a paródia. “Três bandidos foram assaltar uma residência aqui na fronteira, o CHOQUE e a ROCAM chegaram e pápápá, e os bandidos estão no inferno a queimar“.

Enquanto cantarolava, o repórter também fez gestos de arma com a mão, para representar a ação dos policiais matando os suspeitos.

Após a paródia, Júnior Rocha ainda sugeriu que dissessem que os assaltantes morreram de Covid-19 e ironizou dando um nome de arma para uma suposta nova “variante” da doença.

“Eles saíram para meter bronca, só não contavam que a PM já estava de olho. Tentaram a sorte, mas é claro, levaram o azar. Vamos supor que eles morreram de Covid, a variante 5569 mm. Agora o satanás está recebendo os criminosos. Esses não assaltam mais!”, afirmou o repórter.

Assista ao momento:

Após a repercussão na internet do momento, o repórter se tornou alvo de críticas. “Que bizarrice“, disse um internauta ao assistir ao vídeo. “Isso não é jornalismo“, comentou outra pessoa, reprovando a postura do repórter

Alguns ainda questionaram um posicionamento da emissora, que revelou em nota à Folha de S. Paulo, que tomará as medidas necessárias contra o jornalista.

Segundo nota, "A TV Tarobá manifesta que não concorda com qualquer tipo de apologia à violência e informa que irá tomar as providências necessárias ao caso". A assessoria de imprensa não soube dizer se essas providências seriam em relação a uma possível demissão do jornalista.

Por sua vez, Júnior Rocha voltou a publicar a matéria com a música e reforçou: "Foz do Iguaçu, CHOQUE e ROCAM enviaram mais três anjos para o colo do Satanás! Muito "triste"!." Já nos stories ironizou: "Vou até acender uma vela". 

Compartilhe