Diário de São Paulo
Siga-nos

Lanço hoje a minha pré-candidatura!

Urna eletrônica - IMAGEM: REPRODUÇÃO GRUPO BOM DIA
Urna eletrônica - IMAGEM: REPRODUÇÃO GRUPO BOM DIA

Publicado em 30/07/2022, às 07h45 Kleber Carrilho


Escondi muito bem, e ninguém sabia desse fato até agora. Mas, então, não é mais segredo: sou pré-candidato! Afinal, no ambiente em que vivemos, não há como não querer mudar as coisas. E acredito que tenho muito para contribuir, com capacidade de planejamento e diversas possibilidades de levar  soluções.

Tenho mais de 30 anos de trabalho, grande parte deles dando aulas, compreendendo pessoas e ajudando-as a ter caminhos para a vida e para a carreira. Além disso, escrevi inúmeros textos, artigos, livros. Portanto, já contribuí muito e acredito que tenho todas as condições para ser pré-candidato.

E você? Também quer ser pré-candidato? Observe as suas capacidades. Com certeza, você tem muito mais possibilidades, em diversas áreas, de trazer soluções melhores do que muitos pré-candidatos e candidatos por aí.

Por isso, seja pré-candidato você também!

Mas você deve ter se perguntado agora a que sou pré-candidato. A resposta é: ainda não sei!

No Brasil, a condição de pré-candidato é uma maluquice, não acham? Afinal, pré-candidato é pré-candidato desde quando? Desde que pensou em ser candidato? Então, é por isso que sou pré-candidato.

Pode ser que eu seja pré-candidato a presidente, talvez para virar candidato em 2038. Mas talvez não, pode ser que eu queira ser Senador. Porém, posso ser um dia candidato a síndico, de um prédio que ainda nem moro.

O que vale é que sejamos todos pré-candidatos, que possamos discutir sobre os temas que entendemos, que nos apresentemos como possíveis soluções para o local, para a cidade, para o país.

Portanto, ser pré-candidato é estar disponível para servir.

E, por isso, lanço hoje a minha pré-candidatura. Para cada crítica que eu fizer, peçam-me uma solução, assim como todos fazem com os outros pré-candidatos e candidatos. Não fazem? Então, comecem também a fazer!

Tem crítica? Arranje solução! E, já que todos podemos ser pré-candidatos, não precisamos torcer para ninguém. Podemos ver todos como adversários e, por isso, como alguém contra quem devemos argumentar.

Se todos tivermos essa cobrança mútua, vamos melhorar os ambientes. Em vez de críticas baratas, soluções!

Que tal lançar a sua pré-candidatura você também?

Kleber Carrilho é professor, analista político e doutor em Comunicação Social

Instagram: @KleberCarrilho

Facebook.com/KleberCarrilho

Compartilhe