Siga nossa Redes

Política

Regras atuais da fase laranja do Plano SP são compatíveis com critérios da fase amarela do ano passado; veja o histórico

esportes

Publicado

em

Regras atuais da fase laranja do Plano SP são compatíveis com critérios da fase amarela do ano passado; veja o histórico

O governo estadual colocou sete regiões do estado de São Paulo na fase vermelha e dez regiões na fase laranja, incluindo a Grande São Paulo, nesta sexta-feira (22), em coletiva de imprensa para anunciar a reclassificação do Plano SP. No entanto, a atual fase laranja do plano tem regras compatíveis com as da fase amarela do início da flexibilização, em 2020.

As regras referentes à fase laranja atuais são as mesmas que, no decreto vigente entre outubro de 2020 e o início do ano, eram permitidas para as regiões classificadas na fase amarela.

Em entrevista a jornalistas nesta sexta, Patrícia Ellen, secretária de Desenvolvimento Econômico, explicou a mudança que flexibilizou as regras, dizendo que “fazia sentido” permitir na fase laranja o funcionamento de todos os setores, menos bares, desde que os protocolos fossem implementados.

Segundo a Secretaria de Comunicação do governo estadual, o decreto que vai confirmar a reclassificação do Plano SP, a ser publicado neste sábado (23), não trará mudanças ao anexo que define essas regras.

Bares e restaurantes com mesas na calçada na região central de São Paulo durante a pandemia de Covid-19 — Foto: Newton Menezes/Futura Press/Estadão Conteúdo

Bares e restaurantes com mesas na calçada na região central de São Paulo durante a pandemia de Covid-19 — Foto: Newton Menezes/Futura Press/Estadão Conteúdo

As regras foram atualizadas pela última vez no dia 8 de janeiro, quando o governo passou a permitir que praticamente todos os setores da economia permaneçam abertos mesmo quando a região estiver na fase laranja. A medida inclui shopping centers, academias, salões de beleza e atividades culturais funcionando até oito horas por dia, com encerramento das atividades às 20h.

Na fase vermelha, todos esses setores são proibidos, e apenas atividades essenciais, como supermercados e farmácias, podem funcionar.

Veja no mapa abaixo quais regiões do estado estão na fase laranja a partir da próxima segunda-feira:

Atualização do Plano São Paulo nesta sexta-feira (22). — Foto: Divulgação/Governo de SP

Atualização do Plano São Paulo nesta sexta-feira (22). — Foto: Divulgação/Governo de SP

Capital de volta à fase laranja após sete meses

 

Na reclassificação divulgada nesta sexta (22), a cidade de São Paulo regrediu à fase laranja pela primeira vez em quase sete meses. Aos finais de semana e à noite, capital entra na fase vermelha.

Entretanto, na prática, as regras atuais da fase laranja já sofreram três atualizações, segundo um levantamento feito pela TV Globo com base nos decretos publicados no Diário Oficial.

Veja abaixo o histórico das regras de funcionamento da fase laranja do Plano SP:

Veja o histórico de mudanças nas regras da fase laranja do Plano SP — Foto: Ana Carolina Moreno/TV Globo

Veja o histórico de mudanças nas regras da fase laranja do Plano SP — Foto: Ana Carolina Moreno/TV Globo

SP na fase vermelha aos finais de semana

 

Após mais uma semana de piora nos indicadores da Covid-19 em São Paulo, o governo determinou que, aos finais de semana e feriados, todo o estado fique na fase vermelha do plano de flexibilização econômica – nos dias úteis, as restrições de fase vermelha devem valer das 20h às 6h (veja mais no vídeo abaixo).

Governo de SP coloca estado na fase vermelha da quarentena aos finais de semana

Governo de SP coloca estado na fase vermelha da quarentena aos finais de semana

A medida valerá, em todo o estado, nos finais de semana dos dias 30 e 31 janeiro e dos dias 6 e 7 de fevereiro.

Na capital, inicialmente o governo havia informado que esta segunda-feira (25), por ser feriado do aniversário da cidade, obedeceria às restrições de fase vermelha – ou seja, a mesma regra do fim de semana. No entanto, depois foi informado que, na segunda, as restrições de fase vermelha vão valer partir de 20h, como nos demais municípios.

Os serviços essenciais que podem funcionar na fase vermelha são:

  • Farmácias
  • Mercados
  • Padarias
  • Açougues
  • Postos de combustíveis
  • Lavanderias
  • Meios de transporte coletivo, como ônibus, trens e metrô
  • Transportadoras, oficinas de veículos
  • Atividades religiosas
  • Hotéis, pousadas e outros serviços de hotelaria.
  • Bancos
  • Pet shops

 

Veja, abaixo, resumo da mudanças no plano de flexibilização econômica:

  • A fase vermelha do plano de flexibilização econômica vale aos finais de semana e feriados. Nos dias úteis, a fase vermelha valerá das 20h às 6h.
  • Nenhuma região poderá ir às fases verde e amarela antes de 8 de fevereiro.
  • O parâmetro de taxa de ocupação de leitos de UTI na fase vermelha passou de 80 para 75%.

.

.

.

G1 – Globo.

Publicidade

mais lidas