Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Política

Joice Hasselmann anuncia saída do PSL

Publicado

em

Joice Hasselmann anuncia saída do PSL

 Parlamentar afirma que sofre perseguição dentro do partido e foi ao TSE pedir desfiliação por ‘justa causa’.

A deputada federal Joice Hasselmann anunciou nesta segunda-feira (14) que ingressou com uma ação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pedindo desfiliação do PSL “por justa causa”.

Segunda deputada federal mais votada do país em 2018, com apoio de Jair Bolsonaro (sem partido), Hasselmann teve 1,064 milhão de votos e foi líder do governo na Câmara dos Deputados. Ela rompeu com a família Bolsonaro em 2019, após ataques do filhos do presidente nas redes sociais.

“Entrei na Justiça hoje para deixar a legenda por justa causa. Não sou boba. Sei que partido é problema, mas o PSL virou a representação do que há de pior na política”, afirmou.

A parlamentar alega sofrer perseguição política interna no PSL, principalmente do presidente da legenda, Luciano Bivar.

“O PSL não só manteve a escória bolsonarista em seus quadros, mas entregou o coração da legenda. Na eleição da Câmara houve uma negociata para que o PR do PSL ganhasse seu carguinho, com apoio dos bolsonaristas. Em troca, ele deu a liderança do partido e todas as comissões importantes e espaços para os asseclas de Bolsonaro e entregou a cabeça dos opositores ao governo”, disse Hasselmann nas redes sociais.

A ação da deputada no TSE visa que ela tenha garantido o direito de deixar a legenda sem correr o risco de perder o mandato. A deputada afirma que estuda propostas de três partidos para se filiar ao deixar o PSL.

“Não há a menor condição de eu ficar numa legenda que mantém negociatas com Bolsonaro e sua tropa. Já estive no mesmo partido desse monstro. Não cometerei o mesmo erro. Jamais. É culpa exclusivamente do PSL comandado por Bivar termos Bia Kicis na CCJ envergonhando o país e a Câmara. É culpa dele termos bolsonaristas insanos dominando o PSL, pois ele DEU ORDEM p/ suspender a expulsão dos bolsonaristas, incluindo a do filho lesado do presidente”, declarou a deputada no Twitter.

“O PSL se apequenou de vez quando decidiu deixar aberta a porta p/ o psicopata q ocupa a presidência. O partido mantém essa negociação espúria debaixo do nariz de todo mundo. Não vou participar disso, nem com uma arma na cabeça. Não me vendo. E já havia avisado a executiva nacional. Num português bem claro, ao manter o câncer bolsonarista dentro do partido e MANDANDO na legenda, o PSL é CÚMPLICE de todas as traições de Bolsonaro. Ele traiu o povo, o partido fez a mesma coisa e ainda traiu seus aliados q acreditaram em alguma decência da legenda”, completou.

Além de deputada federal, Joice Hasselmann foi candidata à Prefeitura de São Paulo pela legenda em 2020, conquistando 1,84% dos votos válidos no primeiro turno, que totalizaram 98.342 votos.

A deputada ainda não definiu o partido que vai se filiar para concorrer à reeleição em 2022.

.

.

.

G1

mais lidas