Siga nossa Redes

saúde

Baixada Santista pede apoio para ações contra covid-19 no fim de ano

Redação

Publicado

em

Baixada Santista pede apoio para ações contra covid-19 no fim de ano

Prefeitos querem que governo estadual ajude a conscientizar turistas

Prefeitos de municípios da Baixada Santista pediram apoio do governo do estado para a conscientização de turistas com os cuidados para evitar a contaminação com a covid-19 durante as festas de natal e réveillon. O pleito foi recebido pela Secretaria de Desenvolvimento Regional (SDR) do estado. A baixada nove municípios do litoral paulista: Bertioga, Cubatão, Guarujá, Itanhaém, Mongaguá, Peruíbe, Praia Grande, Santos e São Vicente.Baixada Santista pede apoio para ações contra covid-19 no fim de anoBaixada Santista pede apoio para ações contra covid-19 no fim de ano

O governo de São Paulo informou que apoiará as estâncias turísticas, incluindo os municípios do litoral, em ações conjuntas entre estado e prefeituras para alertar sobre a importância do distanciamento social, do uso obrigatório de máscaras e de se evitar aglomerações para mitigar o contágio do novo coronavírus. Segundo a SDR, os detalhes sobre as ações serão definidos em reunião com as secretarias estaduais e anunciados pelo governador João Doria.

“O estado reforça que a quarentena continua em vigor, com observância às regras do Plano SP. A conscientização da população é fundamental para a preservação de vidas nos 645 municípios paulistas”, destacou a secretaria. A SDR ressaltou, no entanto, que a fiscalização de estabelecimentos comerciais, assim como de praias e demais espaços turísticos municipais, é de responsabilidade das prefeituras.

Algumas prefeituras de municípios do litoral paulista, incluindo os das regiões norte e sul, estão colocando barreiras sanitárias nas vias de acesso como medida de combate à disseminação do novo coronavírus. No entanto, cada prefeitura estabeleceu regras diferentes para o funcionamento das barreiras.

A prefeitura de Santos – na Baixada Santista – vai realizar barreira sanitária nos pontos de acesso à cidade para impedir a entrada de vans, ônibus e micro-ônibus de turismo que não tenham autorização prévia da Secretaria de Turismo, nos dias 24 e 31, das 10h às 18h. O acesso dos demais veículos é liberado normalmente. Na praia, está sendo verificado o cumprimento das regras de distanciamento social e de uso de máscaras. Em estabelecimentos comercias, além do distanciamento e do uso de máscaras, é exigido o controle de temperatura na entrada do local.

Também na Baixada, a prefeitura de São Vicente informou que serão implantadas barreiras sanitárias de orientação na entrada da cidade no dia 31 de dezembro. Durante a ação, os motoristas serão orientados sobre a necessidade do isolamento social. As equipes informam sobre as restrições seguindo a Fase Amarela do Plano São Paulo, definido pelo governo do estado. De acordo com o município, haverá ainda campanha educativa com faixas nas ruas e postagens nas redes oficiais da prefeitura, orientando e sugerindo às pessoas que fiquem em casa.

Em São Sebastião, no litoral norte, a partir do próximo sábado (26), serão feitas as ações de bloqueio sanitário nas entradas da cidade, com o objetivo de monitorar e orientar turistas e banhistas sobre a prevenção e a importância do uso de máscaras em locais públicos para o combate à pandemia. Os veículos também vão passar por uma desinfecção dos pneus com hipoclorito de sódio, e todos os passageiros e motoristas terão a temperatura medida.

.

.

.

Agência Brasil
Publicidade

mais lidas