Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Esportes

Seleção da Venezuela convoca 15 jogadores para Copa América após surto de Covid-19

Publicado

em

Seleção da Venezuela convoca 15 jogadores para Copa América após surto de Covid-19

Equipe venezuelana, que será adversária do Brasil, tem 12 diagnósticos positivos para o novo coronavírus

A seleção da Venezuela convocou 15 jogadores, depois de ter 12 casos confirmados de Covid-19 em sua delegação que disputará a Copa América no Brasil.

Com a liberação da Conmebol, retirando o limite de cinco substituições por causa de Covid-19 do regulamento da Copa América, os venezuelanos decidiram convocar 15 novos jogadores para a competição, que se inicia neste domingo.

A Venezuela estreia na Copa América contra o Brasil, neste domingo, às 18h (de Brasília), no Estádio Mané Garrincha, em Brasília.

Em entrevista coletiva na noite deste sábado, o técnico José Peseiro afirmou que os desfalques atrapalham os planos da Vinotinto para o jogo contra o Brasil. Ele admitiu que ainda não pôde definir o time titular e que não será possível cobrar entrosamento dos que forem a campo.

– Hoje não treinamos. Ficamos isolados, esperando os testes para poder treinar. Amanhã vamos jogar com 11 que nunca jogaram, nem treinaram juntos.

Pior ainda, na avaliação do treinador, é que o surto de Covid-19 tenha acontecido exatamente antes do jogo contra o Brasil, considerado por ele como o melhor time do continente e um dos melhores do mundo – ainda mais favorito, portanto, para a partida deste domingo. Mas ele prometeu muito sacrifício por parte de sua seleção.

– Contra quantas equipes do mundo o Brasil não é favorito? Pouquíssimas. Neste momento, eles estão fazendo uma eliminatória acima de todos. Eles estão aqui para ganhar, mas não queremos perder. Temos ter muito sacrifício, muito trabalho, para poder ombrear com um oponente que é muito forte.

A lista de novos jogadores convocados tem:

 

Goleiros: Yhonatann Yustiz, Giancarlo Schiavone e Luis Romero;

Defensores: Eduardo Ferreira, Diego Osorio e Francisco La Mantía;

Meio-campistas: Leonardo Flores, Christian Rivas, Christian Larotonda e Abraham Bahachille;

Atacantes: Richard Figueroa, Daniel Pérez, Eric Ramírez, Robinson Flores e Jan Hurtado.

Segundo comunicado da Secretaria de Saúde do Distrito Federal, divulgado nesta sexta-feira, todos os diagnosticados com o vírus estão assintomáticos, isolados em quartos individuais e monitorados pela Conmebol e pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde, equipe que pertence à Secretaria de Saúde do DF.

Em entrevista coletiva neste sábado, o Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, disse que jogadores infectados com o novo coronavírus só sairão do país com teste negativo.

– Não terá vai e vem de jogadores. Os jogadores positivados ficam em quarentena e só saem do país depois que tiverem o RT-PCR negativo. A vinda de outros jogadores decorre do regulamento da competição – disse Queiroga, que completou:

– Se não tivéssemos a possibilidade de casos positivos, não existiriam os protocolos rigorosos. Sorte que no caso da Venezuela devem vir outros atletas. Acontecerá a partida normalmente.

 

Marcelo Queiroga, Ministro da Saúde — Foto: Ueslei Marcelino/Reuters

Marcelo Queiroga, Ministro da Saúde — Foto: Ueslei Marcelino/Reuters

Nessa sexta-feira, a Venezuela já havia informado que o meia Tomás Rincón, capitão da equipe, não veio ao Brasil por ter apresentado sintomas gripais e mal-estar físico. A medida foi adotada por precaução, de acordo com a FVF.

Também nessa sexta, depois dos resultados positivos na delegação da Venezuela, a Conmebol decidiu mudar o regulamento da Copa América e retirou o limite de cinco substituições por Covid-19 na lista final de convocados. A FVF ainda não oficializou trocas entre os relacionados.

.

.

.

Fontes: Ge – Globo Esporte.

mais lidas