Diário de São Paulo
Siga-nos

Alunos encontram câmeras escondidas em banheiros de escola estadual em SP

Imagem Alunos encontram câmeras escondidas em banheiros de escola estadual em SP

Publicado em 30/06/2022, às 00h00 - Atualizado às 19h25 Redação


Alunos da Escola Estadual Oswaldo Cruz, na Mooca, Zona Leste de São Paulo, encontraram câmeras escondidas nos banheiros da instituição na última sexta-feira (24).

O equipamento se encontrava escondido entre o rejunte dos azulejos.

O caso começou quando um aluno do terceiro ano do ensino médio foi chamado a diretoria por fumar maconha nas dependências do colégio.

Para comprovar o ocorrido, a diretora mostrou fotos do banheiro, alegando terem sido tiradas por outro aluno.

O jovem percebeu que se tratavam de imagens de uma câmera de segurança e foi conferir o banheiro, quando encontrou o equipamento escondido.

A namorada dele, que também estuda na escola, checou o banheiro feminino e encontrou outra câmera entre o rejunte dos azulejos.

A polícia foi acionada imediatamente e um boletim de ocorrência foi registrado no 18º DP. No documento, a vice-diretora, Nilsen Cristina Mendes, afirma ter conhecimento das câmeras e que só eram usadas em casos excepcionais, como brigas entre os alunos ou uso de substâncias não permitidas.

Ao Globo, a Secretaria Estadual da Educação garantiu que a instalação de câmeras dentro de banheiros não faz parte das diretrizes da Pasta.

Uma apuração preliminar para analisar o caso já foi instaurada e todos os equipamentos retirados dos banheiros.

A diretora está afastada do cargo até que a apuração seja concluída, podendo sofrer sanções administrativas, como multa, suspensão ou demissão.
O caso está sendo investigado pelo 18º DP e as autoridades já solicitaram perícia ao  banheiro.

Compartilhe