Diário de São Paulo
Siga-nos
Investigação policial

Vídeo: Tirullipa se pronuncia pela primeira vez sobre investigação polêmica; confira depoimento

O humorista se emocionou durante declaração nas redes sociais

"Não tenho nenhum vínculo com empresa", afirmou em vídeo - Imagem: reprodução Instagram @tirullipa
"Não tenho nenhum vínculo com empresa", afirmou em vídeo - Imagem: reprodução Instagram @tirullipa

Publicado em 16/07/2022, às 16h19 Vitória Tedeschi


Na última sexta-feira (15), o humorista e influenciador digital Everson Silva, mais conhecido como Tirullipa, se pronunciou pela primeira vez após ter seus bens apreendidos pela Polícia, pelo cumprimento de um mandado de busca e apreensão na casa onde mora com a família, em Barueri, Grande São Paulo.

O humorista é acusação de "crime contra a economia popular e associção criminosa", por possível envolvimento com a Betzord, empresa de apostas esportivas na internet que está sendo investigada pelo 27º Distrito Policial (DP), Campo Belo. 

Deolane Bezerra,também faz parte da mesmo investigação, que recentemente chamou a atenção em suas redes socias pela apreensão de vários itens de luxo da influenciadora. Dentre eles, um Porsche e uma Land Rover Evoque 2021/2022 (um dos veículos avaliado em mais de R$1 milhão), quatro notebooks, dois relógios da marca Rolex e dois da grife Bvulgari e um celular iPhone 13 Pro Max. 

Até então, o humorista não havia se pronunciado e se manifestou dizendo não ter vínculo com a empresa acusada. "Gente, vínculo zero, não tenho vínculo com essa empresa, não tenho vínculo com esses sócios. Fiz o meu trabalho pontual, fiz o meu trabalho, recebi pelo meu trabalho e ponto final. Foi isso o que aconteceu", afirmou Tirullipa.

Durante o pronunciamento, o Tirullipa comentou sobre os bens apreendidos, mas não citou o que foi levado. Ele ainda afirmou que nunca irá se envolver com a referida empresa e explicou como foi sua relação no ano passado. 

"O que aconteceu de fato foi que eu prestei serviço para uma empresa em 2021 e não só eu, como muitos influenciadores prestaram serviço. Fiz meu trabalho, recebi meu dinheiro e não tive mais envolvimento com essa empresa", disse.

A assessoria jurídica de Tirullipa já havia divulgado uma nota na quinta-feira (14) negando qualquer envolvimento do humorista com a empresa investigada e informou que ele realizou apenas uma "divulgação pontual e única", no ano de 2021.

Confira depoimento completo abaixo: 

Compartilhe