Diário de São Paulo
Siga-nos
Violência contra animais

Cachorrinho é destroçado com foice pelo dono por ‘diversão’ e agoniza até a morte

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil

O crime aconteceu no Conde (PB) - Imagem: reprodução/TV Globo
O crime aconteceu no Conde (PB) - Imagem: reprodução/TV Globo

Mateus Omena Publicado em 03/03/2023, às 11h20


Um cachorro foi agredido com uma foice por um homem, mas o animal não resistiu aos graves ferimentos e morreu.

O ataque ocorreu na tarde desta quinta-feira (2), no Conde, na Grande João Pessoa (PB), mas o óbito foi confirmado na manhã desta sexta-feira (3), informou a TV Globo.

O suspeito foi identificado como Fabiano Marcelino da Silva, que foi visto por moradores agredindo o animal. Ele foi preso em flagrante e está detido na carceragem da Central de Polícia, na capital paraibana.

O cachorro ficou gravemente ferido e foi encaminhado para um consultório parceiro da ONG Missão Patinhas Feliz, após ser resgatado pela Guarda Civil do município.

De acordo com o laudo médico da clínica veterinária, o animal chegou à unidade de saúde com muitas dores e lesão traumática perfurante na região da cabeça. Ele ainda apresentava várias lesões com a presença de larvas (miíase), sinais clínicos de anemia e hemoparasitore.

A vítima foi batizada de Orfeu e morreu minutos depois do início do atendimento, sendo a principal causa da morte a lesão no crânio, explicou o laudo.

A Polícia Civil informou que Fabiano teria se dirigido a uma barraca da cidade para agredir um homem. Mas, depois de não encontrar essa possível vítima, passou a bater no cachorro que estava sentado em uma cadeira da barraca.

A Guarda Civil foi acionada e quando a equipe chegou no local, o homem tinha sido detido por populares e o cachorro estava agonizando no meio da rua, com um corte profundo acima da nuca.

Compartilhe