Siga nossa Redes

Sem categoria

Gols e assistências x broncas e elogios: Luciano e Diniz formam parceria de sucesso no São Paulo

Redação

Publicado

em

Gols e assistências x broncas e elogios: Luciano e Diniz formam parceria de sucesso no São Paulo

Atacante é destaque no Brasileirão: “Casa muito bem com o que penso no futebol”, diz o técnico

 

Uma reação do técnico Fernando Diniz chamou a atenção durante a vitória do São Paulo contra o Sport, domingo, no Morumbi. Em determinado momento, o treinador esbravejou com Luciano:

– Luciano, se você tomar o cartão amarelo você tá f… – gritou Diniz na beira do campo.

A bronca, quando o São Paulo vencia justamente com gol de Luciano, explicitou a relação do treinador com o artilheiro do time no campeonato. Eles se dão bem, e os gritos não passaram disso.

– É uma relação muito próxima, mas tenho uma relação próxima com todos os jogadores. Você tem que saber tratar cada um da maneira adequada. Tenho uma entrada especial com ele, já trabalhamos juntos no Fluminense.

Luciano chegou ao São Paulo quando o Brasileiro já tinha começado numa troca com o Grêmio, que recebeu Everton. Foi a única contratação do time na temporada.

Luciano comemora o gol contra o Sport — Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net
Luciano comemora o gol contra o Sport — Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net

 

Com 15 na temporada é um dos goleadores do Brasileiro – atrás de Galhardo (15) e Marinho (14), e já fez mais do que o dobro de gols de Pablo (sete) em 2019, quando o colega foi o artilheiro do time no ano.

Além dos gols, ainda deu mais seis assistências nos 25 jogos que disputou desde que chegou ao Morumbi.

– É um jogador que vem rendendo desde o primeiro jogo. É um cara que casa muito bem com o que penso no futebol, é muito aguerrido, estamos muito contentes com ele. Ter boas relações com os jogadores é algo que faz parte e talvez seja o pilar central do meu trabalho – disse Diniz, após o jogo contra o Sport.

Logo após a partida, que manteve o São Paulo na liderança do Brasileiro com 47 pontos, a quatro do vice-líder Atlético-MG e com um jogo a menos, Luciano freou a empolgação de torcedores:

– É manter os pés no chão, não tem nada ganho ainda. Temos que pensar no Botafogo a partir de amanhã – afirmou.

O Botafogo é o próximo rival do São Paulo, no último dos jogos que o time tinha atrasado no Brasileiro. O duelo está marcado para quarta-feira, às 21h30, novamente no Morumbi. Se vencer, inclusive, o Tricolor terá o título simbólico do primeiro turno.

.

.

GE- Globo esporte

Publicidade

mais lidas