Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Sem categoria

Bolsonaro diz que vai reavaliar quadro de pessoal da Secretaria de Comunicação da Presidência

Publicado

em

Bolsonaro diz que vai reavaliar quadro de pessoal da Secretaria de Comunicação da Presidência

Presidente eleito voltou a dizer que revisará contratos da Secom para reduzir gastos. Ele afirmou ainda que órgão terá orçamento 45,8% menor do que o proposto pelo governo Temer.

Bolsonaro diz que vai reavaliar quadro de pessoal da Secretaria de Comunicação da Presidência

Jair M. Bolsonaro

O Congresso aprovou orçamento de R$ 150 milhões para a Secretaria de Comunicação Social em 2019, um corte de 45,8% do valor proposto pelo atual governo (R$ 277mi). Informo que nosso governo não irá pleitear qualquer aumento no orçamento e trabalhará com o valor aprovado.

Jair M. Bolsonaro

Revisaremos diversos contratos e reavaliaremos o quadro pessoal da SECOM a fim de reduzir ainda mais o orçamento para 2020. Vamos mostrar, nesta e em outras áreas, na prática os benefícios da correta aplicação de recursos públicos.

O presidente eleito Jair Bolsonaro afirmou nesta sexta-feira (21) que vai reavaliar o quadro de pessoal da Secretaria Especial de Comunicação da Presidência da República (Secom). Ele voltou a afirmar que irá revisar todos os contratos firmados pelo órgão.

Em sua conta pessoal no Twitter, Bolsonaro disse que as medidas têm como objetivo “reduzir ainda mais o orçamento para 2020”.

“Revisaremos diversos contratos e reavaliaremos o quadro pessoal da Secom a fim de reduzir ainda mais o orçamento para 2020. Vamos mostrar, nesta e em outras áreas, na prática os benefícios da correta aplicação de recursos públicos”, afirmou Bolsonaro nesta sexta.

Desde a campanha eleitoral, ele tem dito que fará um pente-fino nos contratos de bancos públicos (Caixa, Banco do Brasil e BNDES). Na semana passada, o presidente eleito também incluiu a Secom no grupo.

Em outra mensagem publicada no Twitter, Bolsonaro afirmou que no Orçamento para o ano que vem, aprovado nesta semana pelo Congresso, os parlamentares previram um orçamento de R$ 150 milhões para a Secom.

Segundo o presidente eleito, o valor é 45,8% menor do que o proposto pelo atual governo. Bolsonaro disse ainda que não irá pleitear qualquer aumento no valor.

“O Congresso aprovou orçamento de R$ 150 milhões para a Secretaria de Comunicação Social em 2019, um corte de 45,8% do valor proposto pelo atual governo (R$ 277 mi). Informo que nosso governo não irá pleitear qualquer aumento no orçamento e trabalhará com o valor aprovado”, disse.

mais lidas