Diário de São Paulo
Siga-nos
don't rain on my parade

Lea Michele realiza sonho de Rachel Berry em Glee e viverá personagem na Broadway

Atriz substitui Beanie Feldstein em clássico da Broadway e notícia não agradou muitos

Atriz é famosa na Broadway por interpretar Wendla no musical 'O Despertar da Primavera' - imagem: reprodução Instagram @leamichele
Atriz é famosa na Broadway por interpretar Wendla no musical 'O Despertar da Primavera' - imagem: reprodução Instagram @leamichele

Publicado em 13/07/2022, às 18h12 Fernanda Viana


Rachel Berry deve estar dando saltos de alegria agora! Lea Michele anunciou esta semana que irá viver Fanny Brice no musical da Broadway, 'Funny Girl'. A atriz substitui Beanie Feldstein, que anunciou no último domingo (10) sua saída antecipada em razão do desejo da produção "de levar a peça para outra direção".

"Interpretar Fanny Brice na Broadway sempre foi um sonho meu, e fazer isso nos últimos meses tem sido uma grande alegria e uma verdadeira honra. Uma vez que a produção decidiu levar o show em uma direção diferente, tomei a decisão extremamente difícil de me afastar mais cedo do que o previsto", escreveu Feldstein em seu Instagram.

Lea Michele ganhou reconhecimento mundial após seu trabalho na série musical 'Glee', no papel de Rachel Berry, uma garota ambiciosa que tem como sonho de vida estrelar o musical Funny Girl. A garota, que tinha como ídola Barbra Streisend - conhecida por viver Fanny Brice -, cantou diversas músicas do musical ao longo da série, e chegou até a ganhar o papel nas últimas temporadas.

Lea não é a única estrela de Glee a compor o elenco. Jane Lynch, a icônica Sue Sylvester, deixou o papel de Sra. Brice em Funny Brice e será substituída por Tovah Feldshuh (Crazy Ex-Girlfriend). As duas novas integrantes do musical estrearão em 6 de setembro.

A escalação dividiu opiniões, mas foi duramente criticada por Samantha Ware. As atrizes contracenaram juntas em Glee e em 2020 Ware expôs o comportamento abusivo de Michele para com ela durante os protestos onlines do movimento Black Lives Matter.

Samantha criticou a falta de diversidade na Broadway e Hollywood e defendeu o silêncio como um ato de cumplicidade. 

"Sim a Brodway defende a branquitude. Sim, Hollywood faz o mesmo. Sim, silêncio é cumplicidade. Sim, eu falo alto. Sim, eu faria de novo", publicou a atriz em seu Twitter.

A notícia gerou muitos comentários e memes na internet, já que a personagem de Michele era conhecida por sua ambição implacável. Confira:

Compartilhe