Diário de São Paulo
Siga-nos

‘Lightyear’, novo filme da Disney Pixar, é proibido em 14 países por cena de casal homossexual

Imagem ‘Lightyear’, novo filme da Disney Pixar, é proibido em 14 países por cena de casal homossexual

Publicado em 15/06/2022, às 00h00 - Atualizado às 11h32 Redação


O filme da DisneyPixar“Lightyear”, derivado de “Toy Story” com o patrulheiro espacial Buzz Lightyear como protagonista, teve a sua exibição proibida em 14 países do Oriente Médio e da Ásia.

De acordo com a Reuters, a Walt Disney não conseguiu permissão para lançar a animação nestes países, entre eles a China, o maior mercado de cinema do mundo, em razão da existência de uma personagem homossexual e, principalmente, pela cena de beijo entre ela e sua parceira.

Em “Lightyear”, a personagem Alisha Hawthorne (Uzo Aduba) é apresentada como homossexual, que vive um romance com sua esposa. O núcleo tem grande relevância na trama e faz parte de uma das motivações do protagonista Buzz (Chris Evans) para partir em sua perigosa missão no espaço sideral.

Em entrevista à agência de notícias, uma produtora do filme, cuja identidade não pôde ser revelada, disse que as autoridades chinesas pediram cortes no filme. No entanto, a Disney se recusou a fazer alterações e, por conta disso, a animação foi barrada no país.

A mesma resistência aconteceu nos Emirados Árabes Unidos, que rejeitaram “Lightyear” por mostrar um casal homossexual que troca um breve beijo. Inicialmente, o filme foi liberado para exibição, mas o governo voltou atrás em sua decisão após protestos de grupos religiosos nas redes sociais.

Segundo as autoridades do país, a homossexualidade é considerada um crime em seu território, assim como em muitos de seus vizinhos no Oriente Médio.

“Lightyear” foi barrado em outros locais como Egito, Kuwait, Indonésia, Malásia, Arábia Saudita, Qatar e Líbano.

Por outro lado, não é a primeira vez que a Disney enfrenta esse tipo de reação. Recentemente, na Arábia Saudita outros dois filmes da companhia tiveram seus lançamentos proibidos.

O filme “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura”, que apresenta as duas mães lésbicas do personagem America Chavez e “Eternos”, que trouxe o personagem gay, Phastos.

“Lightyear” é dirigido por Angus MacLane, co-diretor de “Procurando Dory” e de curtas de “Toy Story”. No Brasil, o filme será lançado nesta quinta-feira (16). Assista ao trailer:

Compartilhe