Siga nossa Redes

Esportes

LeBron James rebate Ibrahimovic após ser criticado por ativismo: “Nunca ficarei calado”

esportes

Publicado

em

LeBron James rebate Ibrahimovic após ser criticado por ativismo: "Nunca ficarei calado"

Após vitória de 102 a 93 sobre o Portland Trail Brazers nesta sexta-feira, astro do Los Angeles Lakers se manifestou sobre comentário do atacante do Milan por dizer que LeBron “mete nariz na política”

Após quebrar sequência de quatro derrotas consecutivas na vitória por 102 a 93 sobre o Portland Trail Brazers, o atacante do Los Angeles Lakers, LeBron James, rebateu nesta sexta-feira o comentário do atacante do Milan Zlatan Ibrahimovic, após ser criticado “por meter o nariz na política”.

Em entrevista na quinta-feira, Ibrahimovic disse que atletas como o tetracampeão da NBA devem evitar o erro de se envolver em questões políticas e, em vez disso, se concentrar apenas nos esportes.

Após a partida contra o Blazers, LeBron rebateu a crítica aos jornalistas.

– Nunca vou calar a boca sobre as coisas que estão erradas. Eu prego sobre meu povo e prego sobre igualdade, justiça social, racismo, repressão eleitoral. Vou usar minha plataforma para continuar a lançar luz sobre tudo o que está acontecendo neste país e ao redor do mundo. De jeito nenhum eu iria me limitar aos esportes, porque eu entendo o quão poderosa esta plataforma e minha voz são – falou o astro da NBA .

James também citou comentários feitos por Ibrahimovic em 2018, quando o atacante sueco afirmou que “racismo disfarçado” fez com que a mídia o tratasse de forma diferente de jogadores que tinham sobrenomes tradicionais como Andersson ou Svensson.

– Ele é o cara que disse na Suécia falava sobre as mesmas coisas, porque seu sobrenome não era um sobrenome (sueco tradicional), ele sentiu que havia algum racismo acontecendo- relembrou James.

– Eu tenho mais de 300 crianças na minha fundação que precisam de voz e eu sou a voz delas. Eu sou o tipo cara errado para bater de frente porque eu faço minha lição de casa – deu o recado em coletiva um dos maiores porta-vozes do esporte na luta contra a discriminação racial.

.

.

.

Fonte: GE – Globo Esporte.

Publicidade

mais lidas