Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Dia a Dia

CPI da Prevent Senior na Câmara de SP ouve diretora da ANS e técnico da Vigilância Sanitária nesta quinta

Publicado

em

CPI da Prevent Senior na Câmara de SP ouve diretora da ANS e técnico da Vigilância Sanitária nesta quinta

A CPI da Prevent Senior na Câmara Municipal de São Paulo deve ouvir nesta quinta-feira (2) uma diretora da Agência Nacional de Saúde (ANS) e um representante da Vigilância Sanitária estadual para que prestem esclarecimentos sobre a atuação dos órgãos diante das denúncias sobre a atuação da empresa durante a pandemia.

Em depoimento anterior à CPI, o coordenador da Vigilância Sanitária do município afirmou que o governo estadual não respondeu a pedido para interdição de hospitais da Prevent onde foram constatadas diversas irregularidades.

A Secretaria Estadual de Saúde afirmou, em nota enviada na ocasião, que medidas conjuntas haviam sido tomadas e que, por se tratar de um serviço privado, a regulamentação caberia à ANS.

Defesa do ‘kit Covid’

Também será ouvida nesta quinta a médica Paola Vernick, a quem foi atribuída uma mensagem, enviada no dia 11 de novembro, defendendo o uso da hidroxicloroquina – medicamento ineficaz para o tratamento da Covid-19 – mesmo após a assinatura de acordo com o Ministério Público que proibiu a distribuição e promoção do chamado “kit Covid”.

No dia 18 de outubro, os vereadores exibiram no telão de sessão da CPI um print de um grupo de aplicativo de mensagens denominado “#LutapelaPreventSenior”, com mais de mil participantes, no qual a médica teria compartilhado uma notícia sobre uma consulta pública para incorporação do “kit Covid” no SUS.

“Amanhã será aberta uma votação para continuar com os remédios que de fato mudam o curso da doença. Diminuindo a mortalidade”, teria escrito ela. (veja na foto abaixo)

Na opinião dos vereadores, a mensagem da médica, que possui cargo de direção, indica descumprimento da empresa de um dos itens do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado com o Ministério Público de São Paulo. Além de interromper a distribuição do “kit Covid”, a Prevent também se comprometeu a não “promover, incentivar e estimular” a prescrição dos medicamentos.

Mensagem atribuída a médica da Prevent Senior sobre o "kit Covid". — Foto: Reprodução/Câmara de SP
Mensagem atribuída a médica da Prevent Senior sobre o “kit Covid”. — Foto: Reprodução/Câmara de SP

.

.

.

.

.

G1

mais lidas