Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Dia a Dia

Polícia Civil de Piracicaba prende quadrilha em operação contra invasão de contas do Instagram

Publicado

em

Governo enviou 300 servidores para ajudar em buscas no Amazonas

Segundo a investigação, há pelo menos 50 vítimas na região de Piracicaba. Os criminosos invadiam as contas, ofereciam produtos aos seguidores das vítimas e extorquiam para devolver a conta.

Uma operação da Divisão Especializada em Investigações Criminais (Deic) de Piracicaba(SP) prendeu quatro homens suspeitos de crimes cibernéticos. Segundo a Polícia Civil, o grupo atuava na invasão de contas de redes sociais e oferecia produtos aos seguidores das vítimas.

A “Operação Direct” cumpriu, na manhã desta sexta-feira (11), mandados de busca e apreensão, sendo 21 na cidade de São Paulo e um na Praia Grande. Foram dois meses de investigação até a identificação dos suspeitos.

Segundo a Deic, foram pelo menos 50 vítimas na região de Piracicaba. Elas tiveram contas do aplicativo Instagram invadidas e os criminosos passavam a oferecer aos seguidores produtos que não existiam, por preço menor ao de mercado.

Os golpistas “vendiam” celulares, eletrodomésticos, móveis e utensílios domésticos, segundo a investigação. Além disso, também são apuradas extorsões contra as vítimas, em que os criminosos exigiam dinheiro para devolver a senha de acesso à rede social.

Operação Deic Piracicaba  — Foto: Polícia Civil de Piracicaba

Operação Deic Piracicaba — Foto: Polícia Civil de Piracicaba

Os trabalhos desenvolvidos pelo Setor de Inteligência da 1ª Deic identificaram os locais onde os crimes eram praticados e as identidades de vários suspeitos. Durante o cumprimento dos mandados, quatro foram presos, todos em São Paulo.

Segundo a Polícia, nos celulares deles tinham contas do Instagram logadas em nomes de terceiros. Foram apreendidos vários aparelhos celulares e em um deles tinham mais de 30 contas diferentes da rede social.

Computadores e outros objetos apreendidos, além dos celulares, foram apreendidos e vão passar por perícia. Os quatro detidos tinham 18, 19, 20 e 24 anos. Eles foram levados à Divisão de Capturas da Polícia Civil de São Paulo e ficaram presos.

Operação Direct cumpre de 22 mandados de busca e apreensão pelo Deic de Piracicaba  — Foto: Polícia Civil de São Paulo

Operação Direct cumpre de 22 mandados de busca e apreensão pelo Deic de Piracicaba — Foto: Polícia Civil de São Paulo

O caso foi registrado como invasão de dispositivo informático, associação criminosa e apreensão de objeto.

A operação contou com apoio das Delegacias Seccionais do Departamento de Polícia Judiciária de São Paulo Interior (Deinter) 9, Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra), Grupo Especial de Reação (Ger), do Departamento de Operações Policiais Estratégicas (Dope) da Capital.

.

 

.

 

.

G1

mais lidas