Diário de São Paulo
Siga-nos
Preconceito linguístico?

Blonde: Ana de Armas gera polêmica por sotaque ao interpretar Marilyn Monroe

Fãs mais assíduos teriam reclamado do sotaque da atriz

Fãs mais assíduos teriam reclamado do sotaque da atriz - Imagem: Divulgação Netflix
Fãs mais assíduos teriam reclamado do sotaque da atriz - Imagem: Divulgação Netflix

Publicado em 02/08/2022, às 10h36 João Perossi


A atriz cubana Ana de Armasfoi protagonista de uma polêmica envolvendo seu sotaque nessa segunda-feira (01). De Armas, que é cubana, foi criticada por, apesar da aparência estar bastante semelhante a de Marilyn Monroe no trailer de Blonde, a atriz possuir sotaque cubano.

No Twitter alguns fãs se declararam contra a escalação de Ana justamente pelo sotaque: "Mais um exemplo de um ator que não faz seu personagem crível por causa de seu sotaque. Não estou disposto a fingir que Marilyn Monroe era hispânica só para que Ana de Armas pudesse trabalhar. E inclusive, eu amo Ana, mas isso foi um fracasso de escalação gigante", escreveu um internuta no Twitter.

Mas para Marc Rosen, presidente do Espólio Marilyn Monroe Estate, a polêmica não existe.

"Qualquer ator que assume esse papel sabe que tem um grande lugar para preencher. Com base apenas no trailer, parece que Ana foi uma ótima escolha de elenco, pois captura o glamour, a humanidade e a vulnerabilidade de Marilyn. Mal podemos esperar para ver o filme na integra", declarou Rosen em entrevista para a revista Variety.

Ana de Armas também já tinha contado sobre como foi difícil a preparação para o papel. Em entrevista para o jornal The Times of London a atriz declarou: "Levei nove meses treinando dialetos, praticando e algumas sessões de fono (para acertar o sotaque). Foi uma grande tortura, tão exaustivo. Meu cérebro estava frito".

Mas apesar das dificuldades, Ana se empolgou com o papel, e precisou fazer um único teste para conseguir o trabalho.

"Eu só tive que fazer um teste para Marilyn uma vez e Andrew [Dominik, diretor do filme] disse 'é você", contou a atriz.

"Mas eu sabia que conseguiria. Fazer Marilyn foi inovador. Uma cubana interpretando Marilyn Monroe. Eu queria tanto", cofessou Ana de Armas. E aí, como está sua expectativa para o filme sobre Marilyn Monroe?

Confira o trailer:

Compartilhe