Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Sem categoria

Jovem confessa participação na morte de padeiro em Porto Feliz, diz polícia

Publicado

em

Jovem confessa participação na morte de padeiro em Porto Feliz, diz polícia

Pai e filho foram presos preventivamente e, para a Polícia Civil, caso está esclarecido. Vítima trabalho como caseiro na chácara dos suspeitos.

A Polícia Civil vai pedir a prisão preventiva de pai e filho suspeitos de matar um padeiro, em Porto Feliz (SP). A dupla, detida na noite de sexta-feira (27), está presa temporariamente por 30 dias.

Davi Geraldo Romero, de 44 anos, é presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Papel de Porto Feliz, e estava dirigindo o carro, segundo a polícia, enquanto o filho, Joel da Silva Romero, 22 anos, atirou na vítima.

O padeiro Marcelo Luiz da Silva, 45 anos, foi atingido por três disparos, chegou a ser socorrido pelos bombeiros, mas não resistiu aos ferimentos. Segundo a polícia, ele trabalhou como caseiro na chácara de Davi e o crime foi motivado por vingança.

Para a polícia, o caso está esclarecido, já que de acordo com o delegado André Bonan, responsável pelo inquérito, Joel confessou o crime.

“O Joel relata que a vítima e o Davi foram a uma festa no bairro Aparecidinha (Sorocaba), que o pai foi esfaqueado e eles achavam, porque não tinham certeza de nada, de que a própria vítima teria armado uma amboscada para o Davi ser esfaqueado, já que tinham ido lá para consumir drogas”, conta o delegado.

Apesar da confissão, a polícia ainda vai analisar o depoimento de um homem que disse estar no carro com Joel no dia do crime. “para proteger Davi”

Marcelo Luiz da Silva foi atingido por três disparos em Porto Feliz  (Foto: Reprodução/TV TEM)

Marcelo Luiz da Silva foi atingido por três disparos em Porto Feliz (Foto: Reprodução/TV TEM)

Imagens da ação

Imagens de câmeras de segurança de um comércio mostram um carro preto passando pela via e virando em direção a rua Pedro Miranda Paes, onde a vítima foi baleada. O veículo passou mais uma vez pela rua e, em seguida, é possível ver algumas pessoas correndo assim que ouviram o barulho dos disparos.

Uma testemunha ouvida pela polícia disse que Marcelo recebia ameaças de morte de um dos suspeitos, e que chegou a ser agredido por ele.

“Bateram nele e ele pegou e falou que ia amtar ele. Tentaram colocar ele dentro do carro, ele conseguiu escapar, saiu correndo”, diz a mulher, que preferiu ter a identidade preservada.

Câmera registrou pessoas correndo assim que ouviram os tiros em Porto Feliz  (Foto: Reprodução/TV TEM)

Câmera registrou pessoas correndo assim que ouviram os tiros em Porto Feliz (Foto: Reprodução/TV TEM)

mais lidas