Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Esportes

Edu Dracena aceita proposta e deixará o Palmeiras para comandar o futebol do Santos

Publicado

em

Edu Dracena aceita proposta e deixará o Palmeiras para comandar o futebol do Santos

Tendência é de que gerente de futebol do Peixe, Jorge Andrade, deixe o cargo

O ex-jogador Edu Dracena aceitou uma proposta do Santos para assumir um cargo no departamento de futebol do clube.

Capitão do tricampeonato da Copa Libertadores da América pelo Peixe em 2011, o ex-zagueiro exercia a função de assessor técnico no Palmeiras.

A chegada de Dracena não significa a saída do executivo de futebol, André Mazzuco. No entanto, a tendência é de que o gerente de futebol, Jorge Andrade, deixe o clube.

É esperado que o ex-zagueiro já esteja na Vila Belmiro nesta quarta-feira para acompanhar o jogo contra o Fluminense, em duelo atrasado da 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A chegada de Dracena, uma pessoa com histórico vencedor dentro do Santos, foi uma ideia do Comitê de Gestão para tentar buscar uma solução contra o rebaixamento.

Pouco antes de o Bahia vencer a Chapecoense no último domingo e empurrar o Santos para o Z-4 do Brasileirão, com 29 pontos no 17º lugar, o Comitê de Gestão havia se reunido virtualmente para debater o momento do clube. O entendimento interno foi de que era preciso “fazer algo” para evitar a queda, daí a ideia de buscar Edu Dracena.

A Voz da Torcida – Isabel Nascimento: “É ridículo perder em casa nesse momento”

Histórico no Santos

 

Edu Dracena chegou ao Santos em 2009, depois de deixar o Fenerbahçe, da Turquia. E logo virou uma referência. Foi capitão da equipe até 2015, quando rescindiu contrato e se transferiu para o Corinthians.

No Peixe, ele disputou 230 partidas, marcando 17 gols (um deles, na final da Copa do Brasil de 2010). Foram seis títulos no clube: três do Campeonato Paulista (2010/2011/2012), um da Copa do Brasil (2010), um da Taça Libertadores da América (2011) e um da Recopa Sul-americana (2012).

Edu Dracena marca de cabeça na final da Copa do Brasil de 2010

.

 

 

 

.

 

 

.

 

 

Globo Esporte

mais lidas