Destaque Principal Mundo

Cerca de 40 mil bolivianos residentes em São Paulo enfrentam filas para votar

REPRODUÇÃO | (IG)
Redação
Escrito por Redação

Eleições foram sediadas pelo Instituto de Ciência e Tecnologia São Paulo, na região central

Neste domingo (18), cerca de 40 mil cidadãos bolivianos radicados na cidade de São Paulo participaram das eleições presidenciais da Bolívia, segundo o Tribunal Superior Eleitoral do país. Esta é a primeira eleição desde 1997 em que Evo Morales não participa.

Os principais e mais populares candidatos competindo no primeiro turno são Luis Arce, do mesmo partido de Evo; o centrista Carlos Mesa; e Luis Fernando Camacho, da extrema-direita.

A presidente interina, Jeanine Añez , e o ex-presidente Jorge Quiroga eram candidatos pela direita, mas desistira da corrida. O motivo foi uma estratégia para dificultar a vitória de Arce.

Em São Paulo, bolivianos enfrentaram longas filas para votar. Ao contrário do voto no Brasil, a votação é realizada em cédulas de papel. A eleição boliviana foi sediada pelo Instituto de Ciência e Tecnologia São Paulo, na região central da capital paulista.

Eleitores escutados pelo G1 afirmam que sentem incertezas em relação às eleições deste ano. Um deles não acredita que o partido de Evo seja reeleito.

Outro eleitor acredita que o momento é de polarização e compara a situação com a do Brasil. “O que todo mundo quer é que, independentemente de quem for o presidente, ele terá o desafio de unir o país, não governar com sentimentos e imposições”, afirmou ao Portal Ronald Mancilla, que mora há 15 anos no Brasil.

.

 

.

 

.

 

IG

Sobre o autor

Redação

Redação

%d blogueiros gostam disto: