Siga nossa Redes

Sem categoria

Câmeras mostram ação de criminosos que terminou em perseguição com pedestres baleados em SP

Redação

Publicado

em

Câmeras mostram ação de criminosos que terminou em perseguição com pedestres baleados em SP

Perseguição policial durou mais de 10 km e terminou com tiroteio em frente ao Shopping Bourbon, em Perdizes.

Câmeras de segurança da empresa de cofres particulares no Brooklin, na Zona Sul de São Paulo, mostram a ação dos criminosos durante a tentativa de assalto na tarde deste domingo (6). Durante a fuga, teve perseguição policial e tiroteio em frente ao Shopping Bourbon, em Perdizes, na Zona Oeste, há mais de 10 km de distância. Dois pedestres foram atingidos por balas perdidas.

Pelas câmeras é possível ver oito criminosos na região da avenida Engenheiro Luís Carlos Berrini. Enquanto um espera na garagem, os outros vão atrás dos cofres. Quando os seguranças do prédio perceberam a invasão, a empresa chamou a polícia e os bandidos fugiram. De acordo com um suspeito preso, o alarme foi acionado.

Durante a fuga, os criminosos roubaram uma caminhonete preta, que estava estacionada perto do local. Os policiais conseguiram cerca o grupo cerca de 12 km depois na Avenida Francisco Matarazzo, na Zona Oeste.

De acordo com a polícia, os assaltantes atiraram e eles revidaram. Duas pessoas que passavam pela rua foram atingidas e encaminhadas para a Santa Casa de São Paulo.

Antônio Carlos Lima, de 57 anos, foi atingido com tiros no braço e no abdômen. Ele passou por cirurgia para retirada dos projéteis e não corre risco de morte. Carolina Vitória Montenegro, de 19 anos, foi atingida de raspão, medicada e liberada.

Após o tiroteio, o grupo conseguiu fugir e roubou um outro carro para despistar os policiais. Depois, o carro foi abandonado em frente à Praça Charles Miller, em frente ao estádio do Pacaembu.

Detido

Um dos criminosos do preso dentro do prédio onde fica a empresa de valores.

Segundo a polícia, o suspeito disse que o assalto estava sendo planejado há algum tempo. A quadrilha alugou a sala no andar de cima da empresa e abriu um buraco no chão para tentar acessar os cofres.

De acordo com o criminoso, cada membro da quadrilha tinha uma função no roubo, mas o alarme disparou e eles fugiram.

A empresa que foi alvo dos bandidos trabalha com o aluguel de cofres. Em nota, a empresa Sekuro, que aluga cofres particulares, informou ter sofrido uma tentativa de roubo, mas que nada foi levado.

A Secretaria da Segurança Pública disse que parte do grupo abandonou carro com dois fuzis. Veja íntegra da nota:

A Polícia Militar deteve um suspeito de participar de uma tentativa de furto a estabelecimento comercial da Capital, na tarde deste domingo (6). A PM iniciou a perseguição ao veículo usado pelos criminosos, após ele ser identificado pelo Detecta. Próximo ao shopping Bourbon, os criminosos atiraram contra os policiais, que revidaram. Duas pessoas ficaram feridas. Os suspeitos ainda usaram outro veículo, abandonado com dois fuzis nas proximidades e fugiram a pé. O Águia e a Polícia Civil prestam apoio na ação.”

Duas pessoas ficam feridas em assalto a joalheria em SP

Duas pessoas ficam feridas em assalto a joalheria em SP

Publicidade

mais lidas