Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Esportes

Além do título, Palmeiras fica perto de invencibilidade recorde no Brasileirão; veja os números

Publicado

em

Além do título, Palmeiras fica perto de invencibilidade recorde no Brasileirão; veja os números

O Palmeiras chegou a 88% de chances de ser campeão brasileiro, nas contas do matemático Tristão Garcia, depois da vitória de sábado sobre o Santos. Mas há outro ponto que vem surpreendendo na campanha: a atual invencibilidade do time.

Já são 17 partidas consecutivas sem derrota na competição. A última foi em 25 de julho, quando o técnico Roger Machado perdeu o emprego após perder por 1 a 0 para o Fluminense, no Maracanã.

O recorde na era de pontos corridos do Campeonato Brasileiro pertence ao Corinthians, que emendou 19 rodadas sem tropeço, na edição passada, com 14 vitórias e cinco empates.

Restando seis rodadas, a equipe atualmente comandada por Luiz Felipe Scolari, com 13 vitórias e quatro empates, já está a um jogo de igualar Atlético-PR e São Paulo, que em 2004 e 2008, respectivamente, ficaram 18 rodadas invictos.

No domingo, o Palmeiras visita o Atlético-MG, em Belo Horizonte. Na sequência, tem pela frente Fluminense (casa), Paraná (fora), América-MG (casa), Vasco (fora) e Vitória (casa).

Veja as maiores séries invictas:

  • Corinthians (2017) – 19 partidas (14v/5e)
  • Atlético-PR (2004) – 18 partidas (12v/6e)
  • São Paulo (2008) – 18 partidas (12v/6e)
  • Palmeiras (2018) – 17 jogos (13v/4e) – em andamento
  • Corinthians (2015) – 17 partidas (12v/5e)
  • Flamengo (2011) – 16 partidas (9v/7e)
  • São Paulo (2007) – 16 partidas (14v/2e)
  • Goiás (2003) – 16 partidas (8v/8e)
  • Grêmio (2012) – 15 jogos (6v/9e)
  • Fluminense (2010) – 15 jogos (10v/5e)

Os maiores períodos de invencibilidade do Palmeiras na história do Campeonato Brasileiro se deram antes do formato de pontos corridos. Entre 1972 e 1973, o time passou 26 jogos sem perder. Em 1994, a sequência chegou a 24 jogos. Três anos mais tarde, Felipão atingiu 18 partidas consecutivas sem derrota.

mais lidas