Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Esportes

Simone Biles vai ser testemunha no Senado sobre erros do FBI

Publicado

em

Simone Biles vai ser testemunha no Senado sobre erros do FBI

Investigação sobre os casos de abuso sexual do ex-médico de ginástica Larry Nassar, segundo relatório, não foi feita com a “seriedade e urgência” que o caso “merecia e exigia”

A multicampeã olímpica Simone Biles será uma das várias ginastas renomadas que testemunharão perante um painel do Senado dos EUA nesta semana, a respeito dos erros do FBI na investigação sobre o ex-médico da seleção de ginástica norte-americana Larry Nassar. O nome de Biles foi anunciado pelo Comitê Judiciário do Senado nesta segunda-feira. Também vão depor McKayla Maroney, Maggie Nichols e Aly Raisman. Todas as quatro atletas estão entre as centenas de vítimas de Nassar. Elas foram abusadas sexualmente por ele durante o que ele alegou serem exames médicos de rotina.

Larry Nassar — Foto: REUTERS/Rebecca Cook

Larry Nassar — Foto: REUTERS/Rebecca Cook

A audiência de quarta-feira, que começa às 10h do leste americano (11 horas de Brasília), acontece depois que o inspetor geral do Departamento de Justiça Michael Horowitz, em julho, emitiu um relatório contundente de 119 páginas que dizia que o FBI em Indianápolis “não respondeu às alegações contra Nassar com a maior seriedade e urgência de que eles mereciam e exigiam.”

A investigação começou em 2015, e os vários passos em falso incluíram esperar cinco semanas para conduzir uma entrevista por telefone com uma das atletas vítimas, segundo o relatório, além de não entrevistar outras vítimas. Os numerosos erros, concluiu o relatório, permitiram que o abuso sexual continuasse por meses.

O inspetor geral do Departamento de Justiça também deve testemunhar sobre as descobertas do relatório, junto com o diretor do FBI, Chris Wray.

Simone Biles, Jogos de Tóquio — Foto: REUTERS/Mike Blake

Simone Biles, Jogos de Tóquio — Foto: REUTERS/Mike Blake

.

 

.

 

.

 

Globo Esporte

mais lidas