Diário de São Paulo
Siga-nos

Elói e Xerife se isolam em primeiro lugar para prefeito de Guarulhos em nova pesquisa eleitoral

O prefeito Guti, mesmo sem poder disputar mais uma reeleição, aparece muito bem mais uma vez no cenário espontâneo, quando os pesquisadores não apresentam os nomes dos candidatos

Imagem: Reprodução | Redes Sociais
Imagem: Reprodução | Redes Sociais

Redação Publicado em 20/05/2024, às 09h52


O ex-prefeito Elói Pietá, que foi rejeitado pelo PT e teve que se filiar ao Solidariedade do ex-prefeito Sebastião Almeida, e o deputado estadual do Republicanos Xerife Jorge Wilson, que tem a preferência do ex-presidente Jair Bolsonaro, do governador Tarcísio de Freitas, e do prefeito Guti, lideram nova pesquisa eleitoral, divulgada pelo portal R7 e realizada pelo Três Poderes Real Time Big Data, encomendada pela TV Record. Os dois estão em empate técnico na primeira posição. 

No cenário estimulado da pesquisa, Elói Pietá tem 25%, enquanto Xerife aparece com 20% das intenções de votos, bem à frente do vereador Lucas Sanches do PL e do deputado federal do PT, Alencar Santana, que se encontram empatados com 10% cada. Márcio Nakashima (PDT) tem 7% e Fran Correa (MDB) apenas 3%. Nulos e Brancos somam 14% e 11% não sabem ou não responderam. Na lanterna em todas pesquisas até agora, a empresária apadrinhada pelo ex-governador João Doria, então no PSDB, foi anunciada como vice de Elói. 

O prefeito Guti, mesmo sem poder disputar mais uma reeleição, aparece muito bem mais uma vez no cenário espontâneo, quando os pesquisadores não apresentam os nomes dos candidatos. Guti aparece com 5% das intenções de voto, um ponto atrás de Elói com 6%, Xerife tem 4%, enquanto Lucas e Alencar estão empatados com 2%, e Márcio Nakashima, com apenas 1%. Os eleitores mostram ainda indecisão, tendo 20% que disseram votar nulo ou branco e 56% não souberam ou não responderam.

Quando analisadas as intenções de voto por renda, Xerife apresenta vantagem entre os eleitores de faixas salariais mais altas, enquanto Elói lidera entre os mais pobres. Xerife está a frente de Elói dentre aqueles que ganham de 2 a 5 salários mínimos, por 24% a 12%, e acima de 5 salários mínimos por 25% a 9%. Dentre as camadas mais pobres, que recebem abaixo de 2 salários mínimos, Elói retoma a liderança, por 30% a 18%.

Quando os entrevistados são questionados sobre a chance de votar nos candidatos, Xerife leva vantagem, tendo 10% daqueles que votariam com certeza, 42% que poderiam votar e uma rejeição baixa de 36% que não votariam. Elói tem 56% de eleitores que não votariam nele de jeito nenhum, 12% que votariam com certeza, 28% que poderiam votar.

Segundo turno

Num eventual segundo turno, foi testado um cenário entre Elói Pietá e Jorge Wilson. O pré-candidato dos Republicanos lidera com 40% contra 33% do ex-prefeito. Nulos e Brancos somam 14% e 13% não sabem ou não responderam.

A pesquisa Três Poderes, realizada pelo instituto Real Time Big Data por encomenda da Record, ouviu 1.000 eleitores de Guarulhos entre 26 e 27 de abril de 2024. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. O levantamento foi registrado no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) com o número SP-07007/2024.

Polarização deve definir eleições municipais

Uma análise publicada pelo portal R7, baseada na pesquisa do Real Time Big Data, aponta que a grande chave desta eleição é a polarização política. Em Guarulhos, Bolsonaro tem 50% de aprovação positiva contra 44% de Lula, mostrando que seu apoio é providencial para uma candidatura forte de direita na cidade. E esse apoio tem nome, Jorge Wilson, do Republicanos, que deixa Lucas Sanches do PL em voo solo no próprio partido. Além de Bolsonaro, Tarcísio apoia a candidatura do Xerife, e sua alta avaliação, que está 62% positiva, alavanca ainda mais o candidato.

Por outro lado, a esquerda está fragmentada. Lula não tem números significativos na cidade, tendo 44% dos entrevistados dizendo que sua imagem é positiva e 45% aprovando sua gestão.

Em resumo, as eleições para a Prefeitura de Guarulhos estão marcadas pela polarização política e pela incerteza em relação aos candidatos. Enquanto o Xerife tem o apoio do ex-presidente Bolsonaro e consolida uma base de eleitores de direita, a esquerda enfrenta o desafio de unificar seu eleitorado em torno de uma candidatura competitiva. O resultado dependerá da capacidade dos candidatos de mobilizar seu eleitorado e persuadir os eleitores indecisos.

Aprovação de Guti chega a 56% e supera a de Lula em Guarulhos

O prefeito de Guarulhos, Guti (PSD), tem 56% de aprovação, segundo a pesquisa realizada pelo Três Poderes Real Time Big Data, encomendada pela TV Record, entre os últimos dias 26 e 27 de abril. O levantamento mostra também que apenas 38% desaprovam o atual chefe do Executivo, enquanto 6% não souberam ou não responderam.

Já o presidente Luís Inácio Lula da Silva (PT) tem 49% de reprovação, contra apenas 45% de aprovação e 6% que não souberam ou não responderam. Ou seja, Guti aparece com aprovação bem maior que do Lula. 

A pesquisa Real Time Big Data também confirmou a popularidade do atual governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas. Ele tem 62% de aprovação contra 30% de desaprovação. 8% não souberam ou não responderam.

Compartilhe  

últimas notícias