Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Esportes

Marinho supera eliminações em mata-mata e lidera Santos rumo às semifinais da Libertadores

Publicado

em

Marinho supera eliminações em mata-mata e lidera Santos rumo às semifinais da Libertadores

Atacante brilha na competição continental e decide classificação do Peixe; veja números

Artilheiro e um dos líderes do Santos, Marinho vive o melhor ano da carreira em 2020.

Para além dos bons números de gols e assistências no Campeonato Brasileiro, porém, o atacante viveu situações “turbulentas” nas competições eliminatórias nesta temporada.

Nas quartas de final do Campeonato Paulista, em julho, por exemplo, Marinho recebeu o cartão vermelho no fim do primeiro tempo contra a Ponte Preta, quando o Santos vencia por 1 a 0, com gol, inclusive, marcado por ele. Na volta do segundo tempo, com um a menos, o Peixe levou dois gols em 15 minutos e depois acabou derrotado por 3 a 1 e eliminado da competição.

Já nas oitavas de final da Copa do Brasil, em novembro, Marinho também não teve boa atuação nos confrontos com o seu ex-time, o Ceará. Na partida de volta, inclusive, no Castelão, ele foi expulso por xingar o árbitro após o apito final.

Na Libertadores, porém, a história é diferente

Marinho comemora gol contra o Grêmio na Libertadores — Foto: Staff Images / CONMEBOL

Marinho comemora gol contra o Grêmio na Libertadores — Foto: Staff Images / CONMEBOL

Na competição continental, Marinho parece ter superado as eliminações no ano e tornou-se o principal jogador do time nos jogos da fase de grupos e, principalmente, no mata-mata.

Mesmo nos jogos eliminatórios, por exemplo, quando o Santos não teve Lucas Veríssimo (contra a LDU, na altitude de Quito) e Soteldo (na partida de ida contra o Grêmio), dois dos pilares do time ao lado de Marinho, o camisa 11 assumiu a responsabilidade e liderou o Peixe em uma vitória e um empate, respectivamente.

Na goleada por 4 a 1 sobre o Grêmio na última quarta-feira, inclusive, o atacante fez gol e foi um dos melhores em campo, liderando o Santos rumo às semifinais da competição continental após oito anos. Ao final da partida, ele comandou a festa de comemoração nos vestiários da Vila Belmiro.

Marinho comanda festa no vestiário com caixa de som — Foto: Ivan Storti/Santos FC

Marinho comanda festa no vestiário com caixa de som — Foto: Ivan Storti/Santos FC

 

Agora, com quatro gols e duas assistências na Libertadores, Marinho é o vice-artilheiro da competição pelo Santos, atrás somente de Kaio Jorge, que tem cinco gols.

Números de Marinho na Libertadores:

  • 7 jogos
  • 4 gols
  • 2 assistências
  • 624 minutos jogados

.

.

.

GE – Globo Esporte.

mais lidas