Siga nossa Redes

Esportes

LeBron, Hamilton e outros astros do esporte lamentam morte do rapper DMX

Redação SP

Publicado

em

LeBron, Hamilton e outros astros do esporte lamentam morte do rapper DMX

Artista era popular entre os atletas e embalou volta de Mike Tyson aos ringues em 99

A morte do rapper DMX ecoou entre alguns dos maiores nomes do esporte. Fosse por conhecer pessoalmente o artista ou por admirar o trabalho dele, astros como LeBron James, Lewis Hamilton e Adrian Peterson se manifestaram nas redes sociais lamentando a perda.

LeBron James postou dois stories em homenagem ao rapper, em um deles compartilhando o sucesso “Slippin”. Jamal Crawford, do Brooklyn Nets, publicou que DMX deu esperança àqueles que não tinham. Miles Bridges, do Charlotte Hornets, também se manifestou.

LeBron James homenageia rapper DMX, morto nesta sexta — Foto: Reprodução / Instagram

LeBron James homenageia rapper DMX, morto nesta sexta — Foto: Reprodução / Instagram

Sete vezes campeão mundial de Fórmula 1, Lewis Hamilton postou nas redes sociais:

“Estou arrasado ao acordar com a morte de DMX. Eu cresci ouvindo a música dele, suas palavras e histórias me ajudaram em alguns momentos difíceis quando criança e eu sou muito grato por sua sabedoria e luz. Foi muito cedo, mas espero que para um lugar mais pacífico. Descanse em paz DMX”

No futebol americano, Adrian Peterson, do Detroit Lions, disse que DMX era um “ícone do hip hop como nenhum outro”. O ex-jogador Torrey Smith fez uma série de postagens e lembrou que a paixão dele por cachorros nasceu por influência do rapper, elogiou as letras das músicas e pediu orações pela família do artista.

A música de DMX esteve presente em alguns momentos importantes do esporte, como no retorno de Mike Tyson às competições em 1999. O peso-pesado escolheu uma canção do rapper para entrar no ringue.

DMX morreu nesta sexta-feira, aos 50 anos, nos EUA. Ele estava internado na UTI após sofrer uma parada cardíaca há uma semana em decorrência de uma overdose. Ele lutava contra o uso de abusos de drogas havia algum tempo e já tinha passado por algumas internações para reabilitação.

.

.

.

Fonte: GE – Globo Esporte.

Publicidade
Publicidade

mais lidas