Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Esportes

Jokic é expulso, Suns varrem Nuggets e vão à final do Oeste

Publicado

em

Pivô sérvio do Denver Nuggets perde a cabeça, faz falta muito dura em Cameron Payne e é expulso na despedida da equipe do Colorado na temporada 2020-2021

Phoenix Suns está na final da Conferência Oeste da NBA. A equipe de Devin Booker e Chris Paul varreu o Denver Nuggets, do MVP Nikola Jokic, que foi expulso deste jogo 4 após agredir Cameron Payne, ao vencer o jogo 4 por 125 a 118, fazendo 4 a 0 na série.

O grande nome da partida, como foi em toda a série, foi o armador Chris Paul. O camisa três foi o maestro de um ataque que vem jogando por música, encontrou os espaços e fez excelentes arremessos. Foram 37 pontos e 7 assistências para o CP3.

Garantido na final da conferência, o Phoenix Suns agora tem folga até a decisão da outra semifinal, entre Los Angeles Clippers e Utah Jazz. Nesse momento, o Jazz vence por 2 a 1 e os times fazem o jogo 4, em Los Angeles, nesta segunda-feira.

Jokic perde a cabeça

 

Jokic Denver Nuggets x Phoenix Suns NBA — Foto: Dustin Bradford/Getty Images

Jokic Denver Nuggets x Phoenix Suns NBA — Foto: Dustin Bradford/Getty Images

O MVP da temporada regular, o pivô Nikola Jokic, acabou expulso do jogo em um fim melancólico de temporada do Denver Nuggets. Quando o time perdia por oito, o sérvio perdeu a cabeça e fez uma falta muito dura em Cameron Payne. A arbitragem revisou o lance e marcou uma falta flagrante número 2, ejetando o craque de Denver.

Sinfonia Booker e Paul

 

Disposto a conseguir a varrida para ter tranquilidade na preparação para a final do Oeste, o Phoenix Suns entrou acelerado no jogo. Devin Booker, como é praxe, comandava as pontuações, com Chris Paul sendo o grande arquiteto das jogadas.

Chris Paul faz marcação de Michael Porter Jr.  — Foto: Dustin Bradford/Getty Images

Chris Paul faz marcação de Michael Porter Jr. — Foto: Dustin Bradford/Getty Images

Phoenix liderou praticamente durante todo o primeiro tempo. Ainda na primeira metade do segundo quarto, o time de Denver conseguiu reduzir a diferença e ameaçar a liderança dos visitantes, mas sem nunca de fato chegar à frente.

Apesar dos 18 pontos de Nikola Jokic, o que manteve Denver vivo no jogo, os 21 anotados por Devin Booker levaram os Suns em vantagem de oito para o intervalo.

Todo mundo ama o Chris

 

Chris Paul voltou para o terceiro quarto com sangue nos olhos. Parecia que nada que o armador fazia dava errado. Ele encontrou os espaços para os melhores arremessos, chegando a estar 10 de 13 com 24 pontos anotados. Pouco tempo depois, Nikola Jokic foi expulso da partida por uma falta flagrante 2 sobre Cameron Payne.

Chris Paul tenta arremesso contra a marcação de Nikola Jokic — Foto: Dustin Bradford/Getty Images

Chris Paul tenta arremesso contra a marcação de Nikola Jokic — Foto: Dustin Bradford/Getty Images

Dali para frente, o Phoenix Suns ampliou e chegou a ter 16 pontos de vantagem na partida. Porém, no começo do último período Denver conseguiu uma sequência de 10 a 3, colocando a diferença em seis pontos a 9 minutos do fim.

Mas sem os dois principais jogadores, Jamal Murray, lesionado, e Nikola Jokic, ejetado, Denver não conseguiu consolidar a reação e viu o Phoenix confirmar a quarta vitória por 125 a 118 e garantir a vaga na final da Conferência Oeste.

.

.

.

Fontes: Ge – Globo Esporte.

mais lidas