Diário de São Paulo
Siga-nos
Singapore Airlines

Descubra o valor da indenização oferecida para passageiros após turbulência fatal em voo

Ministério dos Transportes de Singapura relatou uma queda súbita de 54 metros no voo SQ321

Turbulência voo SQ321 - Imagem: Reprodução | YouTube - NDTV
Turbulência voo SQ321 - Imagem: Reprodução | YouTube - NDTV

por Marina Milani

Publicado em 11/06/2024, às 10h00


Nesta terça-feira (11), a Singapore Airlines anunciou que oferecerá uma indenização de US$ 10 mil (R$ 53 mil) aos passageiros que sofreram ferimentos leves devido a uma turbulência intensa ocorrida em maio deste ano. No voo SQ321, que partiu de Londres com destino a Singapura, um britânico de 73 anos faleceu e vários passageiros e tripulantes sofreram ferimentos graves no crânio, cérebro e coluna.

Durante a turbulência, o Boeing 777-300ER foi desviado para Bangcoc, onde os feridos receberam atendimento hospitalar. A bordo estavam 211 passageiros e 18 tripulantes. Para os casos de ferimentos graves que requerem tratamento médico prolongado e apoio financeiro, a Singapore Airlines ofereceu um pagamento inicial de US$ 25 mil (R$ 133 mil) para cobrir necessidades imediatas. Esse valor será considerado parte da compensação final que esses passageiros receberão.

Além disso, a companhia aérea informou que reembolsará o valor das passagens de todos os passageiros do voo, incluindo aqueles que não sofreram ferimentos.

O Ministério dos Transportes de Singapura esclareceu que a aeronave sofreu uma queda súbita de 54 metros, arremessando violentamente os passageiros que não estavam com o cinto de segurança afivelado contra a parte superior do avião.

Compartilhe  

últimas notícias