Diário de São Paulo
Siga-nos

Polícia Ambiental autua fazendeiro em R$ 36,6 mil por destruir vegetação nativa em Mirante do Paranapanema

Vistoria na propriedade rural foi realizada após policiais receberem imagens de monitoramento via satélite.

POLICIA AMBIENTAL - Reprodução Grupo Bom Dia
POLICIA AMBIENTAL - Reprodução Grupo Bom Dia

Publicado em 17/07/2022, às 15h42 G1


A Polícia Ambiental autuou, neste sábado (16), o proprietário de uma fazenda em Mirante do Paranapanema (SP), em mais de R$ 36,6 mil, por destruir vegetação nativa com utilização de máquina agrícola.

Segundo os policiais, após estarem em posse de imagens oriundas de monitoramento via satélite, uma equipe foi até a propriedade rural para realizar vistoria.

Os agentes constataram a destruição de vegetação nativa com utilização de máquina agrícola do tipo trator, em área objeto de especial preservação.

A área atingida foi de 6,6712 hectares.

Um auto de infração ambiental no valor de R$ 36.691,60 foi lavrado em desfavor do proprietário da fazenda.

Fazendeiro é autuado em R$ 36,6 mil por destruir vegetação nativa em Mirante do Paranapanema (SP) — Foto: Polícia Ambiental

Fazendeiro é autuado em R$ 36,6 mil por destruir vegetação nativa em Mirante do Paranapanema (SP) — Foto: Polícia Ambiental

Fazendeiro é autuado em R$ 36,6 mil por destruir vegetação nativa em Mirante do Paranapanema (SP) — Foto: Polícia Ambiental

Fazendeiro é autuado em R$ 36,6 mil por destruir vegetação nativa em Mirante do Paranapanema (SP) — Foto: Polícia Ambiental

Fazendeiro é autuado em R$ 36,6 mil por destruir vegetação nativa em Mirante do Paranapanema (SP) — Foto: Polícia Ambiental

Fazendeiro é autuado em R$ 36,6 mil por destruir vegetação nativa em Mirante do Paranapanema (SP) — Foto: Polícia Ambiental

Compartilhe