Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Dia a Dia

VLT – Uma alternativa para o futuro

Publicado

em

VLT – Uma alternativa para o futuro

Algumas cidades brasileiras já implantaram esse sistema de transporte. Em Rio Preto o assunto até chegou a ser cogitado em outras oportunidades, mas depois foi esquecido

Apontado por estudiosos como uma das principais soluções para o problema viário das cidades, o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) vem merecendo especial atenção em alguns municípios brasileiros, de modo especial as capitais e as grandes cidades.

Em Rio Preto, o ex-prefeito Valdomiro Lopes, chegou a cogitar, mesmo que timidamente, estudos visando a possibilidade de se implantar esse sistema de transporte na cidade,  mas depois o assunto caiu no esquecimento e a proposta mais uma vez não saiu do papel.

Grupos ligados diretamente ao setor ferroviário da cidade já apresentaram projetos para a implantação do VLT, um tipo de metrô de superfície, cujo custo é pelo menos seis vezes menor do que a tarifa dos ônibus urbanos.

Com o alto preço dos combustíveis e do valor da tarifa de ônibus cobrada em Rio Preto, R$ 3,10, fica difícil de acreditar que algum meio de transporte de massa pode proporcionar um atendimento de qualidade por um custo tão baixo.

Outra questão importante, refere-se ao tráfego de veículos em Rio Preto. Atualmente são cerca de 600 mil carros, ônibus e motocicletas circulando pelas ruas da cidade,  já que a cidade conta com uma população flutuante que vem de outros municípios da região. A preocupação dos estudiosos é que o trânsito trave caso esse número de veículos aumente, o que certamente vai acontecer na medida em que a cidade for crescendo e o número de veículos aumentar significativamente.

O entrave fica por conta o péssimo estado da malha ferroviária na cidade, ou seja, em caso de implantação de um sistema de transporte desse nível, seria viável instalar  novos trilhos e equipamentos, sem utilizar nenhum tipo de material do atual sistema.

O veículo leve sobre trilhos tem capacidade para transportar 600 pessoas por vez, já que pode puxar até seis vagões, mas esses números podem ser menores de acordo com o potencial e com a demanda de cada local.

mais lidas