Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Esportes

UFC: Vettori diz que problema de Borrachinha com o peso “foi uma pequena armadilha”

Publicado

em

UFC: Vettori diz que problema de Borrachinha com o peso "foi uma pequena armadilha"

Italiano ressalta força mental para não deixar problema do brasileiro com peso afetá-lo, e rebate justificativa: “Não dá para correr com uma ruptura no bíceps para cortar peso?”

Mais que encarar um adversário maior de uma hora para outra, Marvin Vettori precisou ser forte psicologicamente para encarar – e vencer – Paulo Borrachinha no UFC do último sábado, em Las Vegas. O italiano se viu tendo que aceitar enfrentar um adversário no meio-pesado (até 93kg) dias antes do duelo que estava acertado para os médios (até 84kg). No fim, após uma dura batalha de cinco rounds, Vettori venceu Borrachinha por decisão unânime dos juízes (triplo 48-46).

– Foi uma performance muito sólida. Fico feliz por não ter deixado toda aquela tensão antes da luta me fazer acreditar que ele não estava pronto, que não treinou, que veio gordo ou não estava levando a sério. Foi uma pequena armadilha. Ele estava pronto – disse Vettori na coletiva após o evento.

Marvin Vettori bateu Paulo Borrachinha por decisão unânime — Foto: Jeff Bottari/Zuffa LLC

Marvin Vettori bateu Paulo Borrachinha por decisão unânime — Foto: Jeff Bottari/Zuffa LLC

Ainda que tenha mantido a ideia de fazer a luta acontecer fosse em qualquer peso e ressaltar não ter problemas em lutar em diferentes categorias, Vettori mandou um recado aos próximos adversários. Ele espera lidar com uma situação bem diferente da que lhe impôs Borrachinha.

– Ele era grande. Sou capaz de lidar com qualquer pessoa. Sendo um peso médio, somos muito grandes (…). Não me importo com o peso, sou capaz de lidar com qualquer pessoa. O cage é a minha casa, este é meu esporte. Não me importo com o quanto você está acima do peso. Mas, dito isso, não apareça com excesso de peso. Isso é para o meu próximo adversário. Não apareça acima do peso porque você sabe que vou lutar e ainda vou te vencer.

Com a vitória, Vettori virou a página da derrota para o campeão dos médios Israel Adesanya, para quem perdeu em junho, quando perdeu nos pontos. Ele não espera lutar pelo cinturão de novo na sequência, mas avisou que se algo der errado para Adesanya ou Robert Whittaker no UFC 271, em 12 de fevereiro de 2022, ele vai estar pronto.

– Acho que não vou lutar antes do final do ano. Mas é fácil me pegar para uma boa luta se eles forem bons. Talvez em fevereiro alguém se machuque. Nunca se sabe. A única coisa sobre mim é que estarei pronto, aparecerei e darei um show para todos os fãs.

 

Vettori também disparou contra Borrachinha, que pouco antes, na coletiva, tinha apontado uma lesão no bíceps do braço esquerdo para justificar ter chegado mais pesado a Las Vegas, o que o impediu de atingir os 84kg acordados antes.

– P***, não dá para correr com uma ruptura no bíceps para cortar peso? Que desculpa é essa? Isso não faz nenhum sentido! Não, (eu não acredito nele). Você pode fazer quase tudo com uma ruptura do bíceps, não tem nada a ver com o peso. Você poderia ter dito: “não consegui jogar nada com a mão direita por causa da ruptura do bíceps”, mas não: “não consegui cortar peso com uma ruptura do bíceps”.

.

.

.

Globo Esporte

mais lidas