Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Esportes

UFC 262: Inspirada em Deiveson, Pedrita pinta o cabelo para lutar: “Deusa da Guerra”

Publicado

em

UFC 262: Inspirada em Deiveson, Pedrita pinta o cabelo para lutar: "Deusa da Guerra"

Atleta, que é parceira de equipe do campeão dos moscas na Team Figueiredo, em Belém, fala sobre a distância do filho e espeta Gina Mazany, sua adversária no UFC 262: “Queixo de vidro”

Priscila Pedrita pintou o cabelo de azul para enfrentar Gina Mazany, sábado, no UFC 262, em Houston (EUA). E a inspiração tem nome e sobrenome: Deiveson Figueiredo, atual campeão peso-mosca do Ultimate e seu parceiro na academia Team Figueiredo, em Belém (PA). A brasileira – que está desde janeiro na capital paraense – decidiu tingir uma mecha de azul, parecida com a do compatriota, que geralmente utiliza o vermelho e adotou o apelido de “Deus da Guerra”, em alusão ao personagem “Kratos”, do jogo “God of War”.

– Tentei trazer um pouco do “Daíco” (apelido familiar de Deiveson Figueiredo). Ele pinta de loiro, tem a faixa em vermelho. Vou fazer diferente, porque já fui loira durante muitos anos. Vou deixar o cabelo mais natural para recuperar. O azul está na moda, a galera está trazendo para a moda. Já que não vou descolorir, vou trazer o azul. Tem o Deus da Guerra, e a Deusa da Guerra. Vamos com tudo (risos). O Maisena tava comentando que sou igual ao Deiveson, o instinto, brigões dentro da técnica, essa coisa de “guerra”. Chega gente nova na academia, a gente chega a salivar. Temos isso dentro da gente, da nossa natureza. E junto com pessoas grandiosas, botando a gente com inteligência, com técnica, a agressividade vai sair dentro da técnica. É só vitória.

Ex-integrante da equipe Paraná Vale-Tudo, de Niterói (RJ), Pedrita está na Team Figueiredo desde o início de 2021 e, em seu primeiro camp em Belém do Pará, é só elogios à nova casa.

– É o primeiro camp, estou lá há cinco meses, na primeira semana de janeiro. Estou sem ver minha família, mas todo o esforço vai valer a pena, vou mostrar um trabalho grandioso e uma Pedrita bem diferente do que estão acostumadas a ver. Na Team Figueiredo sou respeitada, conceituada e vista como uma campeã. Esse recomeço terá novas histórias e grandes vitórias. – Eu nunca me senti assim, foi um corte de peso incrível. Nunca me senti tão bem. Se fosse antes, estaria bem debilitada agora (quarta-feira). Estou forte mentalmente, feliz. Quando o atleta está feliz, tudo funciona da melhor forma.

Priscila Pedrita pintou o cabelo de azul — Foto: Evelyn Rodrigues

Priscila Pedrita pintou o cabelo de azul — Foto: Evelyn Rodrigues

Se pelo lado profissional, a mudança para Belém foi excepcional, pelo lado pessoal, Pedrita tem que conviver com a distância do filho, Juan Marcelo, de nove anos de idade, que mora com a avó, em Bangu, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Ela espera viajar para revê-lo após o combate deste sábado.

– Todo esse esforço é por ele, para pagar a escola dele, ver ele crescer com um futuro brilhante. Quando ele viu meu cabelo azul, eu perguntei: “Estou bonita?”. Ele respondeu: “Está linda!”. No dia seguinte, ele tirou uma foto com o cabelo azul. Isso não tem preço, é meu fã número 1. Eu falei: “Você prefere que a mamãe fique perto de você ou longe para treinar?”. Ele falou: “Mamãe, vai treinar, traz esse cinturão para mim”. Isso não tem preço, tenho uma dádiva que Deus me deu. Quero poder dar tudo do bom e do melhor que ele merece. A coisa mais gostosa é ver o seu filho querer seguir seus passos, ser seu companheiro. Ele me dá forças quando estou enfraquecendo. Quando o levo nos treinos, ele fala: “Bora, mãe, vamos!”. Aquilo me alimenta. É um sentimento que só sabe quem é mãe. Estou há cinco meses sem vê-lo, não vejo a hora de abraçá-lo.

Em relação ao combate do UFC 262, Priscila Pedrita se mostra confiante para medir forças contra Gina Mazay. Após conquistar sua primeira vitória no Ultimate, ela se vê pronta para o combate e afirma que a rival tem “queixo de vidro”.

– Gina vem para a trocação franca um pouco, mas logo em seguida trabalha a luta agarrada. Não costuma atacar muito as pernas, entra pela cintura. Estou bem treinada para isso. Antes, eu era uma Pedrita que não queria chão de jeito nenhum, hoje, estou muito confiante. Se ela quiser chão, vai ter e ainda será finalizada. Ela não aguenta pressão, chamamos de queixo de vidro. Eu tenho queixo de pedra, tomei 253 porradas da Valentina e não fui nocauteada. Esse vai ser o diferencial. Pedrita bem técnica, inteligente, esperando o momento certo para entrar, frustrando ela até nocautear ou finalizar. O que ela quiser, ela vai ter.-

Combate transmite o UFC 262 ao vivo e na íntegra com exclusividade neste sábado, a partir de 19h10 (horário de Brasília) com o Aquecimento Combate. O SporTV 3 e o Combate.com exibem as duas primeiras lutas ao vivo, e o site acompanha o evento em Tempo Real.

UFC 262
15 de maio de 2021, em Houston (EUA)

CARD PRINCIPAL (23h, horário de Brasília):
Peso-leve: Charles do Bronx x Michael Chandler
Peso-leve: Tony Ferguson x Beneil Dariush
Peso-galo: Matt Schnell x Rogério Bontorin
Peso-mosca: Katlyn Chookagian x Viviane Araújo
Peso-pena: Shane Burgos x Edson Barboza

CARD PRELIMINAR (19h30, horário de Brasília):
Peso-médio: Ronaldo Jacaré x André Sergipano
Peso-pena: Lando Vannata x Mike Grundy
Peso-médio: Jordan Wright x Jamie Pickett
Peso-mosca: Andrea Lee x Antonina Shevchenko
Peso-mosca: Gina Mazany x Priscila Pedrita
Peso-pena: Kevin Aguilar x Tucker Lutz
Peso-leve: Sean Soriano x Christos Giagos

.

.

.

Fonte: GE – Globo Esporte.

mais lidas