Siga nossa Redes

Política

Três senadores anunciam que pegaram Covid-19 em 24h

Redação SP

Publicado

em

Três senadores anunciam que pegaram Covid-19 em 24h

Lasier Martins (Podemos-RS), Major Olímpio (PSL-SP) e Alessandro Vieira (Cidadania-SE) participaram de uma reunião do grupo parlamentar ‘Muda Senado’ na semana passada. Congresso voltou a funcionar remotamente.

Em 24 h, de segunda (1º) para terça-feira (3), três senadores anunciaram que tiveram testes positivos para a Covid-19. Lasier Martins (Podemos-RS), Major Olímpio (PSL-SP) e Alessandro Vieira (Cidadania-SE) haviam participado de uma reunião do grupo Muda Senado uma semana antes.

O Distrito Federal registra um aumento no número de casos da Covid-19. O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG) anunciou que a Casa passará a ter sessões remotas a partir desta quinta-feira (4). Na tentativa de conter o avanço da doença, o governador Ibaneis Rocha (MDB) publicou um decreto que permite apenas o funcionamento de serviços essenciais.

Os três senadores diagnosticados com a Covid-19 disseram que estão isolados e se recuperam em casa. Os senadores Alessandro Vieira e Major Olímpio relataram que apresentam sintomas leves da doença.

Casos na Câmara dos Deputados

A assessoria de imprensa da Câmara dos Deputados informou nesta terça-feira (2) que o número de deputados e funcionários da Casa diagnosticados com Covid-19 quase dobrou na comparação entre os meses de janeiro e fevereiro deste ano.

Em fevereiro, segundo a Câmara, foram registrados 105 casos da doença. Em janeiro, 58. Em dezembro do ano passado, a Câmara registrou 72 contaminações por Covid-19.

Segundo a assessoria da Câmara, não é possível afirmar se as contaminações ocorreram dentro ou fora da Casa.

Em fevereiro deste ano, a Câmara aprovou um projeto de resolução que prevê um sistema híbrido de votações, com a possibilidade de participação presencial e remota dos parlamentares. Além disso, está permitido o retorno do trabalho nas comissões, paradas desde março do ano passado.

Aglomeração na Câmara

Na semana passada, visitantes que tentaram acesso ao Anexo IV da Câmara dos Deputados, em Brasília, se aglomeraram em uma fila extensa.

De acordo com pessoas ouvidas pelo G1 disseram que chegara a aguardar quase duas horas na fila para poder entrar e que o problema tem sido recorrente nesse início de ano legislativo.

Apesar de usarem máscaras de proteção, os visitantes não respeitavam as medidas de distanciamento.

Na ocasião, a Câmara dos Deputados disse, em nota, que as filas “estão relacionadas a uma demanda excepcional e não prevista dos prefeitos. Não têm, portanto, relação com o retorno gradual do trabalho presencial dos funcionários e servidores da Casa, que possuem identificações funcionais específicas e não precisam passar por controles de acesso”.

Por G1

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

mais lidas