Siga nossa Redes

Cidades

Terrenos e avenidas viram pontos de lixo em Rio Preto

Dia a Dia

Publicado

em

Terrenos e avenidas viram pontos de lixo em Rio Preto

Alguns locais tem sido fiscalizados com frequência, mas os infratores sempre dão um jeitinho para jogar o lixo nessas áreas. Autoridades advertem que as multas podem ser pesadas para quem for pego pelos fiscais

O acúmulo de lixo em terrenos baldios e em canteiros centrais de importantes avenidas, vem sendo um grande problema para a atual administração municipal resolver.

De acordo com a lei, quem for flagrado jogando lixo em locais irregulares pode ser multado, mas na prática esse multa dificilmente chega. A fiscalização é precária, e as pessoas geralmente não colaboram denunciando os infratores.

Móveis quebrados, materiais de construção, poda de árvore e lixos domésticos podem ser facilmente encontrados em locais inadequados de Rio Preto. Os entulhos normalmente são jogados em áreas abertas e o vento arrasta o material descartado para grande parte dos terrenos.

Um dos motivos de não haver denúncias, é que os moradores dos bairros sempre jogam a culpa em pessoas de fora.

A Avenida Alberto Olivieri, também conhecida como “Linhão da Zona Norte”, interliga algumas dezenas de bairros importantes.

A moradora da região, a dona de casa Silmara Benedine, destacou que os materiais são jogados no local com frequência. “A gente vê carro parar e jogar entulho, mas a gente não pode falar nada porque ninguém obedece.”

A Prefeitura tem enviado notas, informando que a limpeza dos terrenos tem sido feita, mas que a quantidade de lixo jogada pela população é grande. O município tem destacado com frequência que faz a fiscalização e reforça que o descarte de lixo em local impróprio é crime. Os flagrantes podem gerar multas pesadas aos infratores.

mais lidas