Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Esportes

Sérgio Coelho defende menos poder ao presidente do Atlético-MG em reforma do estatuto

Publicado

em

Sérgio Coelho defende menos poder ao presidente do Atlético-MG em reforma do estatuto

Comissão prepara minuta do novo regimento do clube que será apresentada ao conselho

Durante o mandato que começa no próximo dia 4 e vai até o fim de 2023, Sérgio Coelho vai propor ao conselho do Atlético-MG uma reforma do estatuto do clube. Um dos pontos defendidos pelo presidente eleito do Galo é reduzir o poder de quem estiver sentado na cadeira da presidência.

Sérgio Coelho entende que o melhor caminho para conduzir o clube é criando comissões nas quais o presidente fará consultas antes de concretizar uma venda ou compra de um jogador, por exemplo.

“O estatuto a ser feito tem de tirar muito poder do presidente. Ele tem que ser um estatuto onde o presidente resolve as coisas, mas que tenha comissões, que tenha um órgão no clube que ele tenha que consultar.”

 

– Me parece que no Santos, para vender um jogador, tem uma comissão que aprova valor de venda, se vai vender ou não, se vai comprar. A gente tem que ir fechando isso, não desconfiando da capacidade ou honestidade do presidente. É para dividir as responsabilidades, com o objetivo de diminuir os erros. Essa é a questão – completou Sérgio Coelho, em entrevista à Rádio da Massa.

Outro ponto a ser avaliado é o direito a voto para torcedores e/ou associados, uma decisão que depende ainda da aprovação do projeto do clube-empresa e, claro, do conteúdo da lei.

– Nessa minuta, tudo aquilo que tiver de ser feito no momento para melhorar, será feito. Se vai abrir para torcedor votar, o associado, a gente tem que ver algumas situações, por exemplo, está para sair a lei do clube-empresa. É permitido o torcedor votar ou não? Não sabemos ainda. Com certeza, faremos um estatuto moderno.

Uma comissão do conselho do Atlético já trabalha na redação dessa minuta. Um dos integrantes, segundo Sérgio Coelho, é José Murilo Procópio, eleito vice-presidente do clube.

– Nós vamos propor ao conselho deliberativo a reforma do estatuto. Nosso estatuto, é excepcional, mas ele é de 2008, 2009. É preciso que reforme esse estatuto, mas ele foi muito bem feito para a época, e até hoje funciona bem. Acreditamos que precisa melhorar. Quem está fazendo a minuta desse estatuto, tem o doutor José Murilo, foi feita uma comissão que já desenvolveu o estatuto.

Antes de ser apreciada e votada pelo conselho, a redação do novo estatuto deve passar pela avaliação da Ernst & Young, que presta consultoria ao Atlético.

– Vamos pegar essa minuta com doutor José Murilo, vamos apresentar também à Ernst & Young, que presta consultoria ao Atlético, tem muita experiência e conhece estatutos de outros clubes. Vamos fazer uma minuta final para apresentar para o conselho deliberativo.

.

.

.

GE – Globo Esporte.

mais lidas