Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Saúde

Rio vacina esta semana adolescentes de 14 anos de idade

Publicado

em

Rio vacina esta semana adolescentes de 14 anos de idade

Meninos serão imunizados na sexta-feira

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro (SMS) anunciou ontem (13) que a imunização dos adolescentes de 14 anos contra a covid-19 ocorrerá nos próximos dias 15 e 16, para meninas, e no dia 17, para meninos.Rio vacina esta semana adolescentes de 14 anos de idadeRio vacina esta semana adolescentes de 14 anos de idade

O calendário para as outras faixas etárias de adolescentes (13 e 12 anos) será divulgado tão logo o Ministério da Saúde envie para a cidade, com quantidade suficiente de doses, uma nova remessa da Pfizer, a única vacina liberada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para esse público.

A aplicação da dose de reforço (DR) para os idosos continua esta semana, seguindo calendário anunciado anteriormente. Amanhã (14), receberão a DR idosos de 94 anos ou mais; na quarta-feira (15), 93 anos ou mais; na quinta (16), 92 anos ou mais; na sexta-feira (17), 91 anos ou mais; e no sábado (18), 90 anos ou mais.

Dose de reforço

A Secretaria informou à Agência Brasil que, “preferencialmente, a dose de reforço deve ser aplicada no mesmo posto onde a pessoa tomou as demais (doses). Não serão aplicadas doses de reforço em pessoas que completaram o esquema inicial em outro município. Independentemente da vacina tomada nas duas primeiras doses, para a DR são usadas vacinas da Pfizer e da AstraZeneca, dependendo da disponibilidade”, esclareceu.

Ainda segundo a Secretaria Municipal de Saúde, apenas os idosos que tomaram o esquema vacinal inicial, que engloba a primeira e segunda doses, no Rio, poderão tomar a dose de reforço na cidade. O intervalo da segunda dose para a DR deve ser de, pelo menos, três meses.

Esta semana está sendo realizada também a repescagem de primeira dose (D1) para pessoas com deficiência (PcD), gestantes, puérperas e lactantes com 12 anos ou mais, além do público a partir de 22 anos, preferencialmente, no período da tarde. O atendimento para aplicação da segunda dose (D2) é feito conforme a data anotada no comprovante da D1.

.

.

.

.

Agência Brasil

mais lidas