Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Colunistas

Resenha com o Kascão: “Genial ou Professor Pardal?”

Publicado

em

Resenha com o Kascão: "Genial ou Professor Pardal?"

Resenha com o Kascão: "Genial ou Professor Pardal?" Tenho o maior respeito e admiração pela história que as pessoas constroem ao longo de suas carreiras professionais. Lógico que o Vítor Pereira é um bom treinador e conseguiu resultados importantes e marcantes no futebol europeu, sobretudo no português onde é ídolo no Porto. Agora me desculpe, não vem conseguindo adaptação no Corinthians. Fato. O que me faz chegar a essa conclusão? Em primeiro lugar disputou cinco clássicos contra rivais diretos e nunca alcançou a vitória. São quatro derrotas e um empate.

Depois, até hoje estou tentando entender esse rodízio ‘muito louco’ que ele vem fazendo dentro do elenco de jogadores do Corinthians. Por exemplo, o VP conseguiu escalar os reservas para atuar no Dérbi contra o Palmeiras. Resultado? O maior rival deu uma sapecada humilhante! Na última semana, no jogo decisivo da Libertadores contra os suplentes do boliviano Always Ready, novamente uma equipe alternativa cheia de jovem jogador. Os craques do time? Todos no banco. De novo só tristeza. Empate sem graça e jogou fora a oportunidade de decidir em casa uma classificação de oitavas de finais.

A torcida se revoltou e muita gente já não enxerga mais ele como antes. A boa campanha no Brasileirão faz os últimos admiradores manterem a devoção pelo gringo. Mas isso vai até quando? Talvez até entender que os costumes do futebol por aqui são bem diferentes dos de lá. Sobretudo no comportamental. Aquele papo de querer dirigir o Liverpool também pegou mal demais na comunidade corintiana mais radical. Portanto se eu fosse ele, ligaria para o Sr. Abel Ferreira e pegaria uns conselhos. Acho que faria diferença.

Resenha com o Kascão: "Genial ou Professor Pardal?"

Segue o líder!

Enquanto o Corinthians sofre com suas mazelas, o arquirrival Palmeiras vai nadando de braçada com seu verdadeiro ‘Mister’. Sofreu um pouco na Vila Belmiro no clássico diante do Santos, é verdade. Até saiu atrás com um gol que foi anulado pelo ‘VAR’. Mas no final o Gustavo Gomez fez o gol que garantiu o bom resultado do Verdão e a liderança da competição. Isso mesmo! Essa equipe bem armada pelo Abel já está em primeiro do Campeonato Brasileiro pelos critérios de desempate. Parando pra pensar talvez seja o único troféu aqui no Brasil que o atual comandante verde ainda não conquistou. E tem gente que ainda contesta o lugar de destaque desse cara na galeria de ídolos do Palmeiras. Na minha visão já atropelou e passou por cima de Luxemburgo e Felipão.

mais lidas