Siga nossa Redes

Esportes

Recordista de lutas no MMA é preso nos EUA acusado de se envolver em pornografia infantil

esportes

Publicado

em

Recordista de lutas no MMA é preso nos EUA acusado de se envolver em pornografia infantil

Sem ganhar no Nilton Santos desde outubro, Alvinegro conquista vitória com gol de Matheus Babi após vermelho de Reinaldo e com direito a defesa de pênalti de Diego Loureiro

Recordista de lutas de MMA na história do esporte, o lutador americano Travis Fulton, 43, foi indiciado nesta semana por um júri federal, sob acusações de exploração sexual de uma criança, posse e receptação de pornografia infantil. Segundo o jornal “The Courier”, as acusações foram reveladas na última sexta-feira, quando Fulton compareceu a uma audiência para um caso de violência doméstica na Corte Distrital dos EUA de Cedar Rapids, Iowa. O lutador se declarou inocente e está detido até uma próxima audiência. O julgamento está previsto para abril.

As acusações alegam que Fulton tentou seduzir uma menor a participar de conduta sexual com o propósito de fotografá-la em novembro de 2020, segundo os documentos do tribunal obtidos pelo “The Courier”. Ele também é acusado de possuir um flash drive com imagens pornográficas de uma criança de 12 anos, entre novembro de 2018 e novembro de 2020.

Travis Fulton em ação numa de suas 323 lutas profissionais de MMA — Foto: Brian Bahr/Getty Images

Travis Fulton em ação numa de suas 323 lutas profissionais de MMA — Foto: Brian Bahr/Getty Images

Fulton atualmente aguarda julgamento por acusações de agressão doméstica, devido a um incidente de setembro de 2019 em que ele é acusado de ameaçar e bater numa mulher. A vítima sofreu lesões na mandíbula, nariz e boca, e precisou de atendimento médico. Este ano, em 28 de janeiro, Fulton e esta mulher foram vistos juntos num cassino e acabaram detidos por violarem os termos de uma ordem de restrição.

Travis Fulton, 43, é um nome conhecido dos fãs mais dedicados de MMA. O peso-pesado é considerado o “Homem de Ferro” do esporte: contabiliza 323 lutas profissionais em 24 anos de carreira, com 257 vitórias, 55 derrotas e 10 empates, e também já lutou boxe. Seu combate de MMA mais recente foi em abril de 2019, uma vitória sobre Shannon Ritch no evento “Road to M-1 USA 2”.

Fulton lutou duas vezes pelo UFC, em 1999, e também esteve no card inaugural da extinta organização WEC. Entre seus adversários mais conhecidos, estão nomes como Andrei Arlovski, Dan Severn, Rich Franklin, Forrest Griffin, Jeff Monson, Renato Babalu, Ricco Rodriguez, Evan Tanner e Ben Rothwell.

.

.

Fonte: GE – Globo Esporte.

Publicidade

mais lidas