Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Política

Programa agiliza compra de alimentos para rede municipal

Publicado

em

Programa agiliza compra de alimentos para rede municipal

A partir do ano que vem, a administração municipal vai aderir a uma nova modalidade do Programa de Aquisição de Alimentos chamada PAA Institucional

O programa Alimenta Rio Preto, política de segurança alimentar e nutricional, está em implantação desde abril deste ano. O projeto vai permitir vai permitir ao município explorar uma nova modalidade de compra de alimentos, que deve garantir ainda mais qualidade aos itens com os quais a Prefeitura abastece seus equipamentos públicos.

A partir do ano que vem, a administração municipal vai aderir a uma nova modalidade do Programa de Aquisição de Alimentos chamada PAA Institucional. Com isso, o município poderá adquirir de forma simplificada produtos da agricultura familiar para manutenção de seus equipamentos.

“O Governo Federal abre Chamamento Público para aquisição de alimentos para abastecer o Exército, por exemplo. Nós vamos usar do mesmo critério em âmbito municipal. Aqui, poderemos lançar mão do PAA Institucional para abastecer Bosque, Bombeiros e qualquer outro local atendido pela Prefeitura”, explica o secretário de Agricultura e Abastecimento, Antônio Pedro Pezzuto Jr., responsável pela gerência do Alimenta Rio Preto.

Diante da novidade, a Agricultura já iniciou o planejamento das necessidades do município junto aos produtores da agricultura familiar. “A primeira coisa que nós estamos fazendo é analisar o planejamento do abastecimento de cada um dos equipamentos e identificar quais produtos são cultivados localmente. Estamos verificando a capacidade dos produtores em atender a demanda. A partir disso, vamos poder abrir Chamamento Público que permita a compra”, explica.

Atualmente, Rio Preto já é contemplada pelo Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) na modalidade Compra por Doação Simultânea, em que 187 pequenos produtores recebem R$ 6.500/ano pelo fornecimento de gêneros alimentícios. Outros R$ 20 mil são destinados à agricultura familiar por meio do PNAE – Programa Nacional de Alimentação Escolar.

Produtores que já atendem aos critérios para participação do PAA por Doação Simultânea e fornecem para a merenda escolar estão, automaticamente, em condições de participar do PAA Institucional. Com isso, a possibilidade de venda da produção ao município pode chegar a até R$ 46 mil por ano por produtor.

A utilização do PAA Institucional é interessante para o pequeno produtor e para aa cidade como um todo. “Teremos um produto de qualidade, fresco, com maior durabilidade, uma vez que o produtor colhe e logo entrega os gêneros alimentícios aos equipamentos municipais. Consequentemente, as boas refeições fornecidas por eles ficam ainda melhores. Além disso, o dinheiro investido circula localmente, incentivando a economia da cidade e região”, avalia Pezzuto.

As ações de abastecimento alimentar e incentivo ao pequeno produtor fazem parte do Programa Alimenta Rio Preto, política municipal de segurança alimentar e nutricional.

mais lidas