Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Polícia

Polícia investiga morte de advogado com tiro na nuca em Rio Preto

Publicado

em

Polícia investiga morte de advogado com tiro na nuca em Rio Preto

José Arthur Vanzella Seba, filho do secretário de planejamento de Votuporanga, tinha 32 anos.

Advogado é encontrado morto com tiro na nuca em avenida de Rio Preto

Advogado é encontrado morto com tiro na nuca em avenida de Rio Preto

A Polícia Civil investiga quem deu tiros na nuca de um homem encontrado morto, na quarta-feira (19), em São José do Rio Preto (SP). A vítima é o advogado José Arthur Vanzella Seba, de 32 anos, filho do secretário de planejamento de Votuporanga (SP), Jorge Augusto Seba.

Ele era conhecido como Thui e, de acordo com a polícia, foi com um sócio, de 27 anos, ver um terreno para comprar e investir no bairro Buriti, zona norte da cidade.

No local, segundo relatos do sócio à polícia, eles viam uma área quando um homem bem vestido chegou e ofereceu outro terreno a eles.

O advogado teria ido ao carro para atender ao celular, quando o sócio disse à polícia que ouviu uma discussão entre eles. Na ocorrência consta que a vítima gritou: “Corre” e, em seguida, o sócio ouviu os tiros. O autor fugiu em um carro prata, segundo registro policial.

Dentro do veículo em que os dois sócios estavam havia uma mochila com documentos e R$ 7,9 mil, que foram apreendidos. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e o Corpo de Bombeiros foram ao local, tentaram reanimar o advogado, mas ele não resistiu.

O delegado que atendeu a ocorrência, Éder Galavotti, disse à TV TEM que a história está confusa e, por enquanto, só tem a versão do sócio da vítima. O caso será investigado pela Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Rio Preto.

O corpo do advogado está no velório Jardim das Flores, em Votuporanga, e o enterro está previsto para as 17h30 no cemitério da cidade. Ele deixa mulher e uma filha, de seis meses.

mais lidas