Siga nossa Redes

Sem categoria

Polícia flagra carro oficial da prefeitura de Uchoa levando panfletos de campanha de candidatos

Redação

Publicado

em

Polícia flagra carro oficial da prefeitura de Uchoa levando panfletos de campanha de candidatos

Policiais abordaram o veículo e encontraram panfletos da campanha à reeleição do atual prefeito, Professor Wil, e de outros vereadores. Prefeito disse que não tinha conhecimento de que os panfletos estavam sendo transportados no carro do município e que o caso será encaminhado para o departamento jurídico da prefeitura.

O Ministério Público vai definir o que será feito com o flagrante feito pela Polícia Civil de Potirendaba (SP) nesta sexta-feira (6), e que pode se transformar em crime eleitoral.

O boletim de ocorrência foi registrado e relata que policiais viram quando um carro pegava material em uma gráfica de Potirendaba.

Os policiais abordaram o veículo e encontraram panfletos da campanha à reeleição do atual prefeito, Professor Wil, e de outros quatro vereadores.

De acordo com o boletim de ocorrência, o veículo utilizado para buscar os panfletos da campanha pertence ao município de Uchoa e estava sendo conduzido pela diretora de ensino da cidade, Ana Maria Rosseli Carneiro.

Outras duas pessoas, identificadas no boletim como sendo um professor e uma secretária, também estavam no veículo. Todos foram levados para a delegacia para prestar depoimento. O material foi apreendido.

A assessoria do prefeito de Uchoa, Valdemir Antônio Pinheiro de Carvalho, o Professor Wil, disse que ele não tinha conhecimento de que os panfletos estavam sendo transportados no carro do município e que o caso será encaminhado para o departamento jurídico da prefeitura.

TV TEM tentou contato por telefone e WhatsApp com a diretora de ensino, mas as ligações não foram atendidas e as mensagens não respondidas.

O juiz eleitoral responsável por Uchoa, Evandro Pelarim, disse que o caso ainda não foi registrado oficialmente no sistema da Justiça Eleitoral, mas que se comprovado o envolvimento dos candidatos, a pena vai de multa a cassação do registro.

.

.

.

G1

Publicidade
Publicidade

mais lidas