Siga nossa Redes

Colunistas

O diálogo pede passagem

Redação

Publicado

em

O diálogo pede passagem

Conseguirá o Brasil avançar nas pautas mais relevantes para a nação, sem o estabelecimento de um diálogo verdadeiro, que relegue os interesses fisiológicos e corporativos?
Certamente a polarização, a superficialidade, o imediatismo das guerras infantis, perpetradas pelos vários espectros político-ideológicos ultrapassaram, e muito, os limites da razoabilidade. Há muita gente dizendo qualquer coisa a qualquer tempo, uma infinidade de “especialistas” que, ademais de entenderem de tudo, querem mesmo apenas contrapor o outro, preferentemente com ironias, ofensas pessoais, jamais discutindo ideias com argumentação consistente, pautada na lógica, em pesquisas sérias, dados fidedignos…
Comecemos pela educação. Sairemos um dia do descaso oficial, das lutas ideológicas, do corporativismo, que tanto deseducam e que afligem a maioria dos professores que fazem parte da categoria mais relevante, podemos dizer assim, da formação de um povo?
Alguém é capaz de dizer que o ensino da cultura ocidental, forjada pela herança helênica, dos grandes filósofos, da cultura europeia, sendo esta responsável pela colonização e conquista das Américas, não é relevante para a educação?
E o que dizer da cultura negra, da herança colonial e escravocrata em que o Brasil se desenvolveu, com milhões de escravos negros vindos principalmente de uma Angola parcialmente colonizada, onde a intermediação africana contribuía com os portugueses para o tráfico de sofrimento infinito, mas também recheada de uma cultura extraordinariamente rica e que marca profundamente o Brasil de hoje?
Qual é o problema em se ensinar a cultura europeia e a cultura africana nas escolas? Querer colocá-las comparativamente, como se aquela fosse superior é de uma estupidez atroz. São simplesmente diferentes, mas complexas e extraordinárias, e que nos fazem ser o que somos hoje.
A continuação desse tema seguirá nos próximos artigos…

 

Mauricio Lambiasi é,

Graduado em Administração e Psicologia Clínica,

Pós-graduado em Biologia, Administração Geral, Finanças, Política,

Mestrado em Recursos Humanos,

MBA em Gestão Avançada de Negócios e

Doutorando em Ciências Empresariais e Sociais

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

mais lidas