Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Sem categoria

No Rio, Alckmin diz que vai investir em inteligência contra roubo de cargas

Publicado

em

No Rio, Alckmin diz que vai investir em inteligência contra roubo de cargas

Durante visita ao Ceasa, na Zona Norte do Rio de Janeiro, candidato do PSDB a presidente também afirmou que é preciso aumentar pena para receptador de carga roubada.

O candidato do PSDB à Presidência da República, Geraldo Alckmin, disse nesta sexta-feira (5) durante campanha no Rio de Janeiro que, se eleito, vai investir em inteligência para combater o roubo de cargas. Além disso, Alckmin defendeu o aumento da pena para o receptador de produtos roubados.

Entre 2003 e 2017, a média de roubos de carga nos meses de fevereiro e junho no Rio de Janeiro foi de 33,5 registros, segundo dados do Instituto de Segurança Pública. Neste ano, no mesmo período, foram registrados 200 roubos de carga na área, o que significa aumento de 497%, o maior valor já registrado pela região na série histórica.

Geraldo Alckmin passa a manhã desta sexta (5) no Rio de Janeiro

Geraldo Alckmin passa a manhã desta sexta (5) no Rio de Janeiro

“Roubo de carga é crime organizado. […] Precisa ter um trabalho de inteligência, de investigação, como fizemos no estado de São Paulo. E aumentar a pena para o receptador, quem vender produto roubado ser responsabilizado”, disse.

Alckmin esteve na manhã desta sexta no Centro de Abastecimento de Alimentos (Ceasa), em Irajá, na Zona Norte do Rio. Ele cumprimentou comerciantes e compradores, ouviu pedidos de redução de impostos e disse que é importante destacar o empreendedorismo.

“Temos de destacar a importância do empreendedorismo, precisamos estimular muito, ser parceiro dos empreendedores, com crédito a custo menor e mais fácil, com capacitação para que ele possa se desenvolver. Fazer a economia se recuperar para trazer de volta o poder de compra da população”, disse Alckmin lembrando que o Ceasa é um forte empregador.

Alckmin disse também que pretende incentivar o setor de serviços e o turismo, seja ele de negócios, aventura, praia, montanha ou religioso.

“O importante é estimular o emprego de serviços desde agricultura, passando pela indústria, até os serviços. Fazer a reforma tributária para simplificar os impostos no Brasil”, disse o candidato.

Transporte da produção

Para o escoamento da produção, Alckmin disse que é importante estimular e integrar outros modais, que não apenas o transporte rodoviário.

O candidato voltou a defender investimentos em hidrovias, recuperar ferrovias e fazer dutovias – principalmente para combustíveis.

Ele defendeu, ainda, o barateamento do combustível, com redução de impostos e atração de investimentos privados para gerar concorrência no refino do petróleo.

Geraldo Alckmin durante encontro com lideranças do Teatro Municipal de São Paulo — Foto: Marina Pinhoni/G1

Geraldo Alckmin durante encontro com lideranças do Teatro Municipal de São Paulo — Foto: Marina Pinhoni/G1

No início da tarde, Geraldo Alckmin participou de ato no Teatro Municipal de São Paulo. Ele encontrou apoiadores na escadaria do teatro e seguiu em caminhada pelo Centro da cidade, cumprimentando eleitores e lojistas.

Alckmin voltou a defender as reformas política, tributária e previdenciária. “A reforma política é muito importante para a gente ter menos partidos e partidos mais programáticos”, afirmou.

Alckmin disse que estar confiante de que estará no segundo turno.”Nós vamos estar no segundo turno. Vamos estar lá e estando lá, nós ganhamos, tanto do Bolsonaro, quanto do PT do Haddad”, disse.

O candidato do PSDB à Presidência da República, Geraldo Alckmin, durante debate nos estúdios da TV Globo no Rio de Janeiro — Foto: Marcos Serra Lima/G1

O candidato do PSDB à Presidência da República, Geraldo Alckmin, durante debate nos estúdios da TV Globo no Rio de Janeiro — Foto: Marcos Serra Lima/G1

Debate na TV

Geraldo Alckmin participou na noite desta quinta-feira (4) de debate entre presidenciáveis promovido pela TV Globo.

Além de Alckmin, participaram do debate nos estúdios Globo, no Rio de Janeiro, Alvaro Dias (Podemos), Ciro Gomes (PDT), Fernando Haddad (PT), Guilherme Boulos (PSOL), Henrique Meirelles (MDB) e Marina Silva (Rede). O mediador foi o jornalista William Bonner.

*Com a colaboração de Marina Pinhoni/G1SP

mais lidas