Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Cultura

Museu da Língua Portuguesa inaugura exposição temporária nesta sexta sobre migrações do século XXI e desafios do idioma

Publicado

em

Museu da Língua Portuguesa inaugura exposição temporária nesta sexta sobre migrações do século XXI e desafios do idioma

Se você já morou em outro país ou estudou uma língua estrangeira deve se lembrar do dia em que finalmente sonhou naquela língua. “Sonhei em português!”, a nova exposição temporária do Museu da Língua Portuguesa, se debruça sobre a experiência de dor e descoberta de imigrantes que deixaram seu país em busca de uma vida melhor.

A mostra entra em cartaz na sexta-feira (12) na sede do museu, localizado na estação da Luz, tradicional ponto de partida e chegada de imigrantes no coração do bairro do Bom Retiro, na região central da capital paulista, cidade que tem história e presente indissociáveis da imigração.

g1 visitou a exposição em primeira mão na quarta-feira (10), enquanto ela ainda estava nos ajustes finais de montagem.

A exposição temporária tem uma abordagem histórica dos fluxos migratórios anteriores na construção do português falado no Brasil e ocupa um andar. A exposição principal segue nos demais andares do prédio, reinaugurado em julho depois do incêndio de 2015 que destruiu parte do museu.

A ideia da nova exposição, de acordo com a curadora Isa Grinspum Ferraz, era mostrar a imigração e a experiência com a língua portuguesa do ponto de vista humano e antropológico, já que o assunto sempre é abordado pela imprensa no contexto das tragédias que motivam a mudança de país.

A torre do relógio do Museu da Língua Portuguesa, reinaugurado em julho deste ano, seis anos após o incêndio que destruiu parte do prédio — Foto: Bárbara Muniz Vieira/g1
A torre do relógio do Museu da Língua Portuguesa, reinaugurado em julho deste ano, seis anos após o incêndio que destruiu parte do prédio — Foto: Bárbara Muniz Vieira/g1

A frase que dá nome à mostra é da imigrante palestina Joana, que passou um ano e meio no Brasil sem conseguir falar português, passando por várias dificuldades. Um dia ela acordou e se deu conta de que tinha sonhado em português. Depoimentos de outros nove imigrantes de diferentes nacionalidades são a base da exposição.

Dominar o idioma do novo país é aumentar o repertório na maneira de ver a vida, pensar, sonhar, de estar no mundo, enfim.

Nova exposição temporária 'Sonhei em português!' é inaugurada nesta sexta-feira (12) no Museu da Língua Portuguesa, na Luz, região central da capital — Foto: Divulgação
Nova exposição temporária ‘Sonhei em português!’ é inaugurada nesta sexta-feira (12) no Museu da Língua Portuguesa, na Luz, região central da capital — Foto: Divulgação

Sonhar em português, desta forma, é um momento simbólico em que o imigrante concretiza sua ligação pessoal com a terra que o recebeu, de acordo com a curadora.

“As línguas são diferentes porque refletem ideias, valores, conhecimentos e visões do universo também diferentes entre si. Cada língua é uma visão do cosmo, com seus provérbios, suas sonoridades, seus ritmos e sua poética própria. Cada uma delas organiza a seu modo a experiência do mundo”, explica.

 

A curadora Isa Ferraz durante os ajustes finais da exposição 'Sonhei em português!' — Foto: Bárbara Muniz Vieira/g1
A curadora Isa Ferraz durante os ajustes finais da exposição ‘Sonhei em português!’ — Foto: Bárbara Muniz Vieira/g1

Na primeira sala, uma instalação mostra nove alfabetos diferentes, como árabe, coreano, chinês, hebraico e cirílico, entre outros.

Uma grande tapeçaria do artista Edmar de Almeida alude às bandeiras como símbolos nacionais. Na proposta da exposição, elas estão entrelaçadas.

Nova exposição temporária 'Sonhei em português!' é inaugurada nesta sexta-feira (12) no Museu da Língua Portuguesa, na Luz, região central da capital — Foto: Ciete Silvério/Divulgação
Nova exposição temporária ‘Sonhei em português!’ é inaugurada nesta sexta-feira (12) no Museu da Língua Portuguesa, na Luz, região central da capital — Foto: Ciete Silvério/Divulgação

Nessa sala, o visitante ainda é apresentado aos fluxos globais de migração no século XXI projetados na parede.

“As imigrações são um assunto crucial do nosso tempo. As pessoas sempre migraram por vários motivos: guerra, fome, seca, tempestade, migram porque querem viver melhor, ou para estudar, por amor. E cada migrante carrega com ele uma língua e uma forma de ver o mundo, então queríamos falar desse assunto através dessas pessoas e não através da gramática, por exemplo”, afirma Isa.

 

A trilha sonora, composta por artistas convidados, representa “cantos de todos os cantos”, em diferentes idiomas, ritmos e sonoridades.

Nova exposição temporária 'Sonhei em português!' é inaugurada nesta sexta-feira (12) no Museu da Língua Portuguesa, na Luz, região central da capital — Foto: Bárbara Muniz Vieira/g1
Nova exposição temporária ‘Sonhei em português!’ é inaugurada nesta sexta-feira (12) no Museu da Língua Portuguesa, na Luz, região central da capital — Foto: Bárbara Muniz Vieira/g1

.

.

.

.

.

G1

mais lidas