Após passar por altos e baixos na fase de grupos da 13ª temporada da ESL Pro League de Counter-Strike: Global Offensive, a FURIA entrou com o pé direito nos playoffs. Nesta sexta-feira, os Panteras venceram a FunPlus Phoenix por 2 a 1 de virada e garantiram vaga na próxima fase do torneio de CS:GO. Os Panteras agora aguardam o vencedor do confronto de logo mais, às 14h, entre G2 e Team Liquid, de Gabriel “FalleN”.

Além de G2 x Liquid, os playoffs da ESL Pro League seguem neste sábado com Virtus.pro x ENCE, às 10h30, e Complexity e Natus Vincere (Na’Vi), às 14h. No domingo serão disputados os jogos da rodada 2 da competição. Por enquanto, apenas a FURIA já garantiu vaga.

O jogo

 

Escolha da FunPlus Phoenix, a Nuke não começou bem para a FURIA. Logo de cara, os europeus abriram 6 a 1 de TR e deram a impressão de que o mapa seria um passeio. Os brasileiros acordaram no oitavo round e não sofreram mais nenhum ponto, fechando a primeira metade em 9 a 6. Apesar da boa partida de Vinicius “VINI”, os Panteras não conseguiram segurar o ataque da FPX e perderam por 16 a 14.

Jogando em casa, na Vertigo, a FURIA atropelou a FunPlus Phoenix. Seja de TR ou CT, os Panteras venciam todos os rounds por eliminação. Dos 16 pontos, apenas dois foram de defusar a bomba. Assim, os brasileiros empataram a série em 1 a 1 com uma parcial de 16-7 e levaram a decisão para o último mapa.

Mapa mais equilibrado da série MD3, a Inferno foi palco para mais um show de VINI. Com mais eliminações, mais dano e melhor rating da partida, ele foi decisivo em diversos rounds para ajudar a FURIA a concluir a virada com uma vitória apertada por 16-11.

.

.

.

Fonte: GE – Globo Esporte.