Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Sem categoria

Menino de 10 anos encontra irmão morto com tiros na cabeça dentro de casa

Publicado

em

Menino de 10 anos encontra irmão morto com tiros na cabeça dentro de casa

A criança teria saído para recarregar créditos no celular e, assim que retornou, encontrou o irmão morto deitado na cama

Nesta terça-feira (03), um menino de 10 anos encontrou o irmão morto na própria cama com tiros na cabeça , em Justinópolis, em Ribeirão das Neves, na região metropolitana de Belo Horizonte . As informações são do portal O Tempo.

De acordo com o site de notícias, o crime aconteceu na manhã de hoje. A criança teria se afastado de casa apenas por alguns minutos para recarregar créditos no celular e, quando retornou, encontrou o irmão de 20 anos morto e mergulhado em uma poça de sangue na cama.

Segundo as informações do portal, a Polícia Militar (PM) está no local do crime, na esquina da rua Perimetral com rua Sete, no bairro Landi. A vítima não tem ficha criminal, entretanto, familiares disseram aos policiais que o homem estava envolvido com o tráfico na região. As suspeitas são de que ele teria sido assassinado devido à uma dívida relacionada a drogas.

“Nós fizemos levantamentos com parentes e amigos que disseram que a vítima do sexo masculino, de 20 anos, tinha envolvimento com tráfico. Possivelmente o homicídio aconteceu por dívida de drogas”, esclareceu o tenente.

O rapaz morava com o irmão mais novo, com a mãe e o padrasto. Na manhã desta terça-feira, apenas ele e a criança estavam em casa e, assim que o menino saiu por alguns minutos, os criminosos cometeram o crime.

Acredita-se que duas pessoas tenham participado do assassinato. “Chegou até nós a informação de que duas pessoas teriam efetuado disparos na cabeça da vítima, que foi encontrada na cama, morta, com tiros na região da cabeça. Quem encontrou o corpo foi o irmão da vítima, um menino de 10 anos”, disse o tenente Guiomalino Dias da PM.

De acordo com O Tempo, a perícia já compareceu ao endereço e recolheu as provas necessárias ao inquérito. Até o momento os suspeitos permanecem desaparecidos.

.

.

.

iG

mais lidas