Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Polícia

Ladrões quebram vidros de carros e atacam motoristas parados no trânsito em São Paulo

Publicado

em

Governo enviou 300 servidores para ajudar em buscas no Amazonas

Motoristas que ficam parados em congestionamentos na Avenida Salim Maluf, na Zona Leste de São Paulo, são vítimas de assaltos frequentes. A avenida é uma das principais vias da cidade e dá acesso à Marginal Tietê e Rodovia Presidente Dutra.

Os flagrantes mostram ladrões quebrando vidros dos veículos para roubar celulares. Na capital paulista são roubados cerca de 250 aparelhos de celular por dia.

Em um dos flagrantes é possível ver um homem apressado andando ao lado dos carros no trânsito para escolher quem vai roubar. O assaltante espera o carro parar, quebra o vidro do lado do passageiro, rouba o celular da motorista e sai correndo. Dois homens que estão no carro de trás veem o crime, e um deles sai correndo. O ladrão consegue escapar, mas joga o celular no chão.

A engenheira de produção Taís de Souza teve o celular recuperado, mas disse que não conseguiu se recuperar do susto.

“É um estresse que você não está preparado para ter. Então, eu até fiquei bem de olho pra ver se não teria nenhuma situação que eu não ficasse bem ansiosa. É uma situação que você nunca espera passar, quando você passa nunca sabe quando vai reagir quando estiver passando por um lugar parecido”, lamenta ela.

Minutos antes, o mesmo assaltante já tinha tentado roubar outro motorista, mas não conseguiu após ser surpreendido por um cachorro dentro do veículo.

Os flagrantes foram feitos pelo Jornal Nacional que acompanhou durante uma semana a violência na região em que é comum encontrar vários estilhaços de vidro.

No dia 1º de fevereiro às 19h15, o vídeo mostra um homem atravessando a rua. Ele observa um Jeep amarelo e usa a blusa para quebrar o vidro do carro e, em segundos, leva o celular da vítima. Depois do roubo, o ladrão tira a blusa para disfarçar e entrar em um carro preto.

No dia 4 de fevereiro, a reportagem flagrou outra tentativa de assalto no mesmo lugar. O ladrão usa o cotovelo, mas desta vez não consegue quebrar o vidro. O motorista se assusta, acelera e entra no carro do lado.

Uma hora depois, o assaltante corre atrás do carro que vai parar no semáforo. Ele quebra o vidro e pega o celular sobre o painel. A motorista acelera, mas o assaltante consegue fugir. Em seguida, ele tenta manter o celular ligado para conseguir acesso aos aplicativos de banco e mensagem da vítima, para transferir dinheiro e aplicar golpes.

A Secretaria da Segurança Pública disse que realiza operações diárias para combater o roubo, o furto e a receptação de celulares e que prendeu mais de 500 pessoas no ano passado.

.

.

.

G1

mais lidas