Siga nossa Redes
xvideos4.pro julia jerez de garcia salinas.
ngentot pagkantot sa magandang kapitbahay.
www.hotdesimovs.com blowjobs and pussy play.

Sem categoria

Homem que torturou esposa em São Roque sonhou que ela o traía, diz B.O.

Publicado

em

Homem que torturou esposa em São Roque sonhou que ela o traía, diz B.O.

Vítima foi torturada com pimenta nas partes íntimas, obrigada a ficar nua e agredida com uma mangueira. Marido foi encaminhado para o CDP de Capela do Alto

O rapaz, de 26 anos, que foi preso por torturar a esposa e mantê-la em cárcere privado, em São Roque (SP), teria sonhado que a mulher o estava traindo com outro homem, conforme o depoimento da vítima no boletim de ocorrência.

Ainda de acordo com o registro, esta seria a motivação para o homem ter espancado a mulher, de 23 anos. A vítima também foi torturada com pimenta nas partes íntimas, obrigada a ficar nua e agredida com uma mangueira.

Durante o período de cárcere, o suspeito saía da casa com as duas filhas do casal para que os vizinhos não suspeitassem de nada.

O rapaz teria mandado a vítima escrever em papéis o que faria com ela, como passar pimenta nas partes íntimas dela e “levar mangueiradas”, enquanto a jovem estava amarrada a uma cadeira com uma abraçadeira de nylon.

A vítima também declarou que o marido jogou água gelada na cabeça dela e sal por todo seu corpo. Durante a tortura, o homem colocava um pano na boca da vitíma e ligava o rádio no volume máximo.

Além das agressões, o suspeito dizia para a mulher que compraria uma arma para matá-la, conforme o documento.

Ainda de acordo com a polícia, o homem só foi detido depois que a vítima conseguiu fugir da casa devido a um descuido do suspeito, foi até a delegacia e comunicou o crime, no dia 7 de julho.

O suspeito foi encontrado no mesmo dia, próximo à sede da polícia, pois já estava atrás da mulher, segundo a Polícia Civil. Os policiais solicitaram a prisão preventiva do homem, que foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Capela do Alto (SP).

A mulher passou por atendimento médico e realizou exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML).

mais lidas