Siga nossa Redes

Sem categoria

Governo recua com tentativa de acelerar Reforma Tributária

Redação

Publicado

em

Governo recua com tentativa de acelerar Reforma Tributária

Projeto de Lei que cria Contribuição sobre Bens e Serviços foi retirado do regime de urgência

O barulho do empresariado dos serviços ecoou no Palácio. O Governo Bolsonaro recuou da tentativa de acelerar a Reforma Tributária do Executivo e pediu para retirar o regime de urgência para o Projeto de Lei que cria a Contribuição sobre Bens e Serviços, tributo que unifica PIS-Cofins criando uma alíquota de 12% para o setor e que trancava a pauta de plenário da Câmara a partir de hoje.

Os deputados não poderiam mais votar outras propostas até que essa parte da reforma fosse deliberada.

O Governo quer mandar uma reforma fatiada e uma das propostas inclui a criação de um novo tributo sobre transações digitais para compensar a desoneração da folha.

.

.

.

iG

Publicidade

mais lidas